terça-feira, 25 de maio de 2021

Ainda existem sonhos de amor

 ...

Quando meu amor, passas por mim
E nem um simples olhar mereço
Inalo o teu perfume de alecrim
E num sentimento sem fim
Admito que já não te reconheço
.
Altiva como se nada mais existisse
Passas sem um olá, sem um olhar
Se o tempo um minuto permitisse
Talvez o teu coração me ouvisse
E a minha poesia pudesse escutar
.
Quando da rosa uma pétala é retirada
Parece ouvir-se no ar um grito de dor
Talvez essa rosa não esteja preparada
Para uma mão ingrata e desajeitada
Não sentir a sua angústia e tremor
.
Assim, como a rosa, sofre um coração
Quando os sonhos não têm luz nem cor
Sentindo as loucuras da sua ilusão
Não percebendo o sentido ou a razão
De ainda existirem sonhos de amor
................................

"" R y k @ r d o ""
.

73 comentários:

  1. Um amor que termina... não deve terminar com os sonhos de amor...
    Há sempre amor...
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Marta, esse cara não repete seus
      versos e a cada publicação nos
      arrepia com a versatilidade das
      rimas. Não há nada que nos toque
      mais do que o amor de um poeta
      por uma mulher. Parabéns para ele
      a quem dou meu abraço e, com todo
      o respeito,
      para você o meu beijo.

      Eliminar
  2. Este poema merece mejores miradas de amor.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  3. Boa semana
    com saúde e alegria
    neste bom dia Ricardo '_'`)

    ResponderEliminar
  4. Os sonhos de amor, sempre vão existir enquanto houver um homem ao cimo da terra.
    Abraço, saúde e uma boa semana

    ResponderEliminar
  5. "Quando meu amor, passas por mim
    E nem um simples olhar mereço
    Inalo o teu perfume de alecrim
    E num sentimento sem fim
    Admito que já não te reconheço"
    Magnífico poema de um amor desencontrado.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  6. Bom dia, caro Ryk@rdo

    Lindo este seu poema. Palavras que louvam
    o Amor ainda que haja desencontros...
    Há sonhos amor, sim.
    Abraço
    Olinda

    ResponderEliminar
  7. Debería sentir esos versos y no solo saludaría, suspiraría de amor. Un abrazo

    ResponderEliminar
  8. Un amor no correspondido es causa de sufrimiento,pero la esperanza y los sueños continúan aunque la rosa pueda clavar sus espinas.
    Bonitos versos Ryk@rdo.
    Abrazos.

    ResponderEliminar
  9. Rosemary scent is unforgettable.
    Beautiful poem as always

    ResponderEliminar
  10. Luz, sombra, pétalos y espinas.
    Delicado poema.

    Bs.

    ResponderEliminar
  11. Te deseo una genial semana. Abrazos !!

    ResponderEliminar
  12. Sonhos de amor, quem os não tem?

    Belo poema!

    Tudo de bom

    ResponderEliminar
  13. Ainda existem sonhos futebolísticos?!
    DESPACHAR o LAGES foi um grande erro, que se está a rir de tanto fracasso.
    Eu portista, até devia estar contente, mas NÃO estou.
    Escrevo aqui a minha opinião, porque não me atrevo a entrar no “ÁGUIA” 🦅

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Teresa

      Podes entrar no águia, sem crise. O Águia precisa de comentários de pessoas sábias como tu. Fiquei triste. Mas a verdade é que o Braga mereceu. Parabéns aos vencedores. Honra aos vencidos. Para a próxima época há mais. Pois, confesso, ter saudades do Bruno Lage, Jorge Jesus é, atualmente, uma tremenda desilusão. A equipa do Benfica também.
      Fica bem
      Beijinho.

      Eliminar
  14. Olá, amigo Ricardo!
    Mais um belíssimo poema aqui nos presenteia!
    Onde os sonhos de amor, nos fazem bem. Embora sejam apenas sonhos, alimentam a nossa utopia de os realizar...

    Votos de uma excelente semana!
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  15. Hoje o amigo não me fez rir,
    mas pensar me deixou e muito.
    Bela resenha fizeste lá em
    casa, querido amigo. Um abraço
    e muito obrigado.

    ResponderEliminar
  16. Sonhos de amor: ainda bem que existem!
    Boa semana, cumprimentos.

    ResponderEliminar
  17. Os sonhos de amor são como dantes as cartas de amor!

    Abraço

    ResponderEliminar
  18. Muito linda tua poesia e que nunca acabem os sonhos de amor, eles impulsionam! abraços, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  19. Um hino de louvor ao amor ainda que só sonhado. Belíssimo, meu Amigo!
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  20. Os sonhos de amor sempre existirão no nosso coração.
    Nostálgico e belo poema.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  21. Ricardo, minhas gatas não fazem companhia, até porque vivem numa área do apto (área de serviço).
    Dão sim, despesas.
    Mas eu amo todas elas.
    Lembrar que salvei-as de situação de risco (ruas) me deixa feliz.
    Abraço,

    ResponderEliminar
  22. Poeta RICARDO !
    Não há coração que não sinta, quão belo é este Poema!
    Complemento-o com meus APLAUSOS e PARABÉNS, amigo !
    Uma feliz semana, com saúde e um fraternal abraço,
    aqui do Brasil !
    Sinval.

    ResponderEliminar
  23. Respostas
    1. Matilda
      Regra geral...Não. Apenas escrevo poesia que, pode ou não, ser considerada como tal (conto).
      Cumprimentos

      Eliminar
  24. Respostas
    1. A sério? Ups... que até fiquei emocionado. Grato pela simpatia. Deixou-me, confesso, um pouquinho - mas só um pouquinho - vaidoso, lol

      Retribuindo: Votos de uma semana feliz.

      Eliminar
  25. Prefiro ter os sonhos de amor
    A ter alguns pesadelos,
    Acordo com a alma em dor
    Um amargor sem desvelos...
    .
    AMEI o poema. Parabéns!
    -
    Se o mundo rodasse numa esfera colorida
    -
    Beijo e um excelente semana...

    ResponderEliminar
  26. Tão bonito!!

    Boa semana.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  27. Boa tarde Ricardo,
    Belíssimo este poema!
    Cada vez mais inspirado!
    Adorei.
    Um beijinho e uma boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  28. Cuánta inspiración de amor Ricardo.

    Besitos y feliz semana

    ResponderEliminar
  29. Mais uma vez me depara com um Senhor poema !
    A sua sensibilidade aliada à versatilidade só pode gerar uma poesia desse nível. Parabéns Ricardo !!
    Grande abraço, amigo. 😘😘

    ResponderEliminar
  30. Ou seria a rosa uma sensitiva, que percebera que àquela a quem se remove a pétala, de fato não é o amor real esperado?

    ResponderEliminar
  31. Talvez ela não saiba do seu sentimento!
    Boa semana!

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  32. É linda esta partilha, Ricardo. Todo o sentimento envolvido e todas as complexidades... gostei imenso. Beijinhos, uma boa semana, meu amigo!

    ResponderEliminar
  33. Ay,a veces los amores nos hacen sufrir,el desengaño, la desilusión,pero,bien merecen ser vividos todos los amores!
    Excelente poema!
    Un beso.

    ResponderEliminar
  34. Boa tarde meu querido amigo Ricardo. Acho que quem ama de verdade nunca deixa de sonhar ao lado do seu grande amor. Uma excelente semana meu grande amigo.

    ResponderEliminar
  35. Amar tem que ser a dois, Ricardo
    Quando passa ao lado e finge que não vê, melhor fingir também rs
    Ah coração partido hein?
    abraços, amigo _ boa semana

    ResponderEliminar
  36. Um belo poema que ,imagino, daria uma bela canção.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  37. Un poema en el que los sentimientos que nos muestras después de romperse el amor no deberían salir a la luz.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  38. Nada hay más doloroso que la indiferencia del ser que se ama.

    Besos

    ResponderEliminar
  39. El amor como las rosas a veces hiere, pero siempre es hermoso poder experimentarrlo,
    bellu...
    Un abrazo
    Carmen

    ResponderEliminar
  40. O rasto do amor ativa todos os nosso sentidos de forma intensa

    ResponderEliminar
  41. Oi Ricardo,
    Eu esqueci de um detalhe, quando formos pegar uma imagem do se lado esquerdo da postagem tem que estar escrito licenciável,rapidamente dessa vez eu esqueci, olha do lado esquerdo sempre.
    Eu faço outra e vocês não precisam comentar....
    Desculpa
    Quantos anos de blog....
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  42. Existem sonhos de amor.
    E são para repetir.
    :)

    ResponderEliminar
  43. o Ricardo é o nosso Camões da atualidade !
    sempre com a rimas tão românticas e o sonho presente
    num desejo de tanto de saudade como de felicidade!
    gostei imenso, deixei-me levar pela leveza das palavras :)

    ResponderEliminar
  44. Olá...
    Sonhos de amor precisam ser cativados sempre, vida afora. Bonito o seu poema.
    Boa semana. Meu abraço

    ResponderEliminar
  45. Belíssimo poema. Ainda existem sonhos de Amor.
    Continuação de boa semana.

    ResponderEliminar
  46. Boa noite, caro amigo Ricardo!
    Que os sonhos sempre nos façam voar de felicidade!
    Um beijinho!
    Megy Maia🌼🐱🌼

    ResponderEliminar
  47. Todos tus poemas son bonitos. Besos.

    ResponderEliminar
  48. Tal como sufre la rosa cuando le arrancan un pétalo...así también sufre un corazón vacío de amor, Rykardo. Muy lindo tu poema con suaves metáforas. Un abrazo fraternal.

    ResponderEliminar
  49. ¡Si, todavía hay sueños de amor! Que lindo poema. Saludos amigo.

    ResponderEliminar
  50. Os sonhos de amor são sonhos... As pessoas são o que são, muito embora por vezes gostemos de as idealizar. Eu acho que se alguém que já foi tudo na vida da outra pessoa, passa por ela como se nem a conhecesse, talvez, talvez esse alguém não fosse quem pensávamos ser... O que não tem de ser forçosamente mau. Cada um é como é. Os nossos olhos cheios de ilusão é que nos pregam partidas. São sonhos que gostamos de sonhar...
    Lindo poema, gostei muito!
    Um abraço

    ResponderEliminar
  51. Ricardo!
    Bonito poema e com tantos sonhos eu amei de💗 um bjo.

    ResponderEliminar
  52. Y que no nos falten nunca esos sueños de amor. Nunca.
    Un placer volver a leerte.

    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  53. Bom dia, poeta! Bela poesia,
    hein! Tá inspirado o meu amigo
    hoje. Hoje não, mas todos os
    dias o artesão das palavras
    levanta (se é que me faço entender)
    assim, versejando como um
    passarinho (passarinho?).
    Será que o canto do pica-pau
    tem jeito de verso?!

    ResponderEliminar
  54. Sim, Ricardo, minhas gatas tiveram a sorte de ser viver "no paraíso" já que todas foram recolhidas das ruas.
    Abraço,

    ResponderEliminar
  55. Ricardo!
    Muito lindo o teu poema...um beijinho e resto de uma boa semana.

    ResponderEliminar
  56. Li seus dois últimos poemas. Differentes um do outro mais no fundo ha sempre issa coisa de amar sem ser correspondido, não é? E isso é quasse normal que suceda. Do sufrimento saem poemas fermosos. Quando se é feliz, não se precissa escriver.
    Gostei muito do seu comentario.
    Parabéns polos seus éxitos como poeta!
    Abraço e boa semana.

    ResponderEliminar
  57. Oi Ricardo,
    Eles sabem tudo o que a gente pode.
    Eu vou fazer outra postagem melhor que a outra.Me aguarde
    As postagens estão todas dentro do computador com a imagem: vou excluir se já não posso postá-las.
    Abraço
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  58. A magia das palavras...

    Beijos e abraços.
    Sandra C.
    Bluestrass

    ResponderEliminar
  59. Belo este amor, ainda que só sonhado.
    Brisas doces para esse lado

    ResponderEliminar

Gostou do que leu? Se gostou deixe uma palavrinha. Se não gostou deixe na mesma ... Leve consigo o meu agradecimento pela sua visita, quiçá, também comentário. Obrigado de coração.