quinta-feira, 4 de março de 2021

Páginas do tempo

 ...
Os poemas escritos, em página galante
Imortalizam o amor em versos rimando
Nobres letras que lavradas em romance
São a fragrância de um coração amando
.
Um livro é amor folheado eternamente
Puras escrituras, efemérides lembrando
Causas e atributos em verso inteligente
Poemas imortais,  em páginas falando
.
Um poema escrito em letras de pureza
São sentires da alma em infinda beleza
Palavras perfumadas, pelo sentimento
.
Nuvens no Céu são amores enaltecidos
Letras inseridas em romances definidos
Ficando escritos, nas páginas do tempo

.................

... INFORMAÇÃO IMPORTANTE ...

A poesia ficou mais pobre. Partiu para o reino dos Céus a nossa querida amiga ... Diná Fernandes  ... noticia que li,  no blogue da amiga Chica...Aqui.

Partiu uma enorme poetisa. Os seus poemas ficarão imortalizados nos seus bogues que, tenho a certeza, tanto amava. Não sei a causa da sua morte. Mas sei que é uma perda irreparável para a poesia
.................
A essa grande poetisa, querida amiga Diná Fernandes, dedico este meu poema de hoje.
.
............. Escreveu no seu blogue que pode ler ...AQUI ........
 ...
Em minha vida passou
E curta foi a estadia.
Marcas nenhuma deixou,
Sábio tempo, tudo dele sabia.
 
Não me abalou a partida
Saudade não encarniçou
Alma não se fez sentida
Coração não chorou.

............. ( continua »»» ) ..............
.........
Que esta querida amiga descanse em Paz. As minhas condolências a toda a sua família.
.
"" R y k @ r d o ""
.

49 comentários:

  1. Aquellas palabras que salen del alma nunca se borran. Un buen dia.
    Abrazos.

    ResponderEliminar
  2. Maravilha e há tanto nas páginas do tempo! abraços, chica

    ResponderEliminar
  3. Um poema muito bonito como sempre...um beijinho e resto de uma boa semana.

    ResponderEliminar
  4. Um dos teus melhores poemas! AMEI 💖😘
    *
    Beijos e um dia feliz

    Hoje também estou aqui » Sempre Miúda

    ResponderEliminar
  5. Gostei da definição tão poética de livro...



    Saudações e bom resto de semana

    ResponderEliminar
  6. Hola Rikardo, bello este libro que versas en tu poema.
    Un placer leerte.
    Feliz día amigo.
    Un abrazo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bello homenaje a este poeta que no conocía.
      Que descanse en paz.
      Un abrazo Rycardo

      Eliminar
  7. ¡Qué bonito! ¡Los poemas escritos en un libro!
    Feliz día

    ResponderEliminar
  8. Que lindas palavras sobre os livros e a poesia!
    Muita inspiração!

    Beijinho, espero que esteja bem!

    ResponderEliminar
  9. Homenagem comovente de poeta para poeta.
    Imagem tão maravilhosa como o poema.
    Publicação absolutamente perfeita — embora se sinta saudades e tristeza 🍃

    ResponderEliminar
  10. Que tristeza! Fiquei sensibilizada com a partida da Diná, que tambem li na Chica.
    PArabéns pela sua homenagem.
    Palavras profundas e sentidas num poema maravilhoso.
    Beijinhos
    :(

    ResponderEliminar
  11. Uma singela mas significativa homenagem.
    Descanse em Paz, Diná Fernandes!

    ResponderEliminar
  12. Poema lindíssimo, amigo Ricardo!
    Não conhecia esta poetisa. Mas imagino, que era uma poetisa de corpo inteiro!
    Paz à sua alma!

    Abraço amigo!

    ResponderEliminar
  13. Oh que noticia tan triste, no lo sabía, nos comentábamos la una a la otra, el cielo es un parnaso. Abrazos

    ResponderEliminar
  14. Bela homenagem à amiga Diná. Não sabia do seu falecimento.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  15. Siento mucho tu pérdida. Siempre nos quedará su poesía.
    Un abrazo, amigo Rycardo.

    ResponderEliminar
  16. Oi Ryc@rdo muito triste essas perdas, são pessoas que a gente conhece pelo Blog, pelas poesias, mas que parece que estávamos na mesma sala tomando um café da tarde, sentimos a perda e um vazio.
    Devemos nos cuidar.
    Abraços,Vi

    ResponderEliminar
  17. Comecei por ler, com o maior deleite, o excelente soneto.
    E, logo a seguir, cai-me em cima a bomba da notícia da morte da nossa querida amiga Diná, amiga de há tantos anos, e com quem trocava impressões tantas vezes no Face.
    É uma grande perda. Mas... com tanto sofrimento, talvez Deus se tenha apiedado dela.
    Gostei muito da homenagem que aqui lhe presta, Ricardo.

    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderEliminar
  18. Tudo fica escrito nas páginas do tempo, um poema lindo, que triste a notícia da Diná, que Deus console os familiares abraços.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  19. Foi com muita tristeza que soube da sua partida pela amiga Rosélia.
    Muito bonita a homenagem que lhe presta.
    Que Deus a receba em sua Glória e lhe dê a felicidade eterna.
    Abraço e saúde

    ResponderEliminar
  20. Oh qué triste noticia!
    Pasaré por su blog a leerla,ya que no la conocía.
    LO siento Rykardo...
    Un hermoso homenaje el tuyo.
    Besos

    ResponderEliminar
  21. Oi Ricardo!
    Linda a poesia e a homenagem p/amiga Diná. Fiquei triste demais com a notícia, mais uma perda de amigos virtuais queridos. Que Deus conforte o coração de quem fica, pq certamente ela já carinhosamente acolhida por ele.
    Bjsss amigo

    ResponderEliminar
  22. OMG Ricardo I am so sorry to hear of your friend passing. I didn't know her blog. RIP Dina. Big hugs xx

    ResponderEliminar
  23. Páginas do tempo, onde curta é a estadia. Como se cada um de nós fosse uma página e o tempo fosse o livro eterno.

    :´(

    ResponderEliminar
  24. Con poemas como este se pueden llenar mas de un libro.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  25. Sobre o soneto apraz-me dizer do meu apreço por ele, outra coisa não de esperar de quem sabe alimentar o meu gosto por verdadeira poesia. Sobre a morte da poetisa Diná Fernandes, que não me recordo de comentar, mas a morte de poetas é sempre uma grande perda no mundo da poesia, a que todos os poetas devem reflectir: em momentos de silêncio, em sua homenagem. Abraço.

    ResponderEliminar
  26. Boa noite!

    😪🥀😪Oh que triste notícia!Diná 🥀
    Uma partida que ficará nos nossos corações eternamente escrita em poesia!

    Um silêncio que grita mais alto pela saudade que fica marcada nos poemas!

    Parabéns, a sua poesia são maravilhosas, mesmo na dor de uma saudade!

    ResponderEliminar
  27. Bonito poema o seu... Que a poetisa esteja em paz.

    Beijos e abraços.
    Sandra C.
    Bluestrass

    ResponderEliminar
  28. Um belo poema sobre poemas. E que a poetisa Diná descanse em paz.

    Beijos/Kisses.



    Anete Oliveira

    Blog Coisitas e Coisinhas

    Fanpage

    Instagram

    ResponderEliminar
  29. Hermosa dedicatoria Rykardo,
    que descanse en paz.

    Besitos dulces

    Siby

    ResponderEliminar
  30. Gostei do poema, não gostei nada da notícia.

    ResponderEliminar
  31. No conocí a esa poetisa...pero siempre es triste cuando un poeta se apaga. Es como una luz que solamente brillará a través de sus versos. Un abrazo amigo Rykardo.

    ResponderEliminar
  32. Conmovedor tributo de poeta a poeta. Eu sinto a perda do seu amigo
    Abraços da Espanha

    ResponderEliminar
  33. Uma bonita homenagem e as minhas condolências aos familiares de Diná e que descanse em paz.

    Beijos e um bom dia

    ResponderEliminar
  34. Um poema muito bonito acompanhado de uma noticia triste. Ninguém está preparado para perder alguém.
    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  35. Páginas do tempo, requintado poema!
    Lamento a morte da bloguista a quem se refere,desconheço de quem se trata, já que mencionou e deu a conhecer, os meus sinceros sentimentos. A perda de alguém que se conhece, é motivo para se cobrir de tristeza! Lamento!

    Abraço constrangido

    ResponderEliminar
  36. Bom dia!
    Começo pela notícia triste, como é a morte de alguém que amava, de certeza, a vida, porque gostava de a partilhar. Felizmente, deixou palavras escritas que, essas, resistem e celebram-na.
    O seu poema é o lado mais feliz, porque, mais uma vez, convoca o amor e as palavras que se eternizam, também amorosamente, através do livro.
    Um abraço e um dia muito poético e feliz.

    ResponderEliminar
  37. Parabéns pelo belo texto poético. Que saibamos preencher as páginas do tempo (vida) com o melhor que houver em cada um de nós. Abraços poéticos!

    ResponderEliminar
  38. O tempo folheia em suas páginas os diversos caminhos da vida e, por vezes, deixa páginas inacabadas escritas na dor das perdas.
    Belo poema que encabeça a tocante homenagem à Diná, amiga e poetisa inesquecível.

    Abraço, Ricardo.
    Calu

    ResponderEliminar
  39. Olá, amigo Ricardo!
    Nossa amiga Dina, tão querida, que linda homenagem lhe rendeu! Ela é merecedora de muitos poemas e o seu está lindo, como sempre.
    Esteja bem, proteja-se!
    Abraços fraternos, saúde e preces

    ResponderEliminar
  40. Un maravilloso homenaje para nuestra querida amiga Diná, es muy noble de tu parte amigo Ricardo, versos conmovedores , bondadosos y llenos de cariño.
    Es una enorme tristeza la partida de Diná, me dolió en el alma al saber la noticia, que descanse en paz, su poesía vivirá en nosotros.

    ResponderEliminar
  41. Que a querida Diná descanse em profunda paz...

    Um homenagem muito meritória, Ricardo.

    Saudações poéticas.
    ~~~~~

    ResponderEliminar
  42. Bela e sentida homenagem à nossa amiga Diná, só agora ao visitar o seu blog é que soube da sua morte. Que triste noticia, que ela descanse em paz.
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Gostou do que leu? Se gostou deixe uma palavrinha. Se não gostou deixe na mesma ... Leve consigo o meu agradecimento pela sua visita, quiçá, também comentário. Obrigado de coração.