sábado, 4 de setembro de 2021

Amor impossível

 

Tinha uma vizinha estudante de filosofia
Na sua janela um papagaio malandrão
Cantava à noite e já ninguém dormia
Tinha um olhar provocante o rapagão
.
Esse papagaio falava, bonitão, jovem, maroto
Apaixonou-se quando passou uma rapariguita
Dengoso, olhar atrevido, sorridente o garoto
Nem viu que a miúda, era uma bela piriquita
.
Essa, menina bonita, de educação esmerada
Vendo aproximar-se de si o alegre papagaio
Mexendo-se sem jeito, um pouco atrapalhada
Não viu quem era, até pensou ser um gaio
.
Não posso com um gaio conversar e namorar
Somos aves pertencentes a um outro mundo
Mas nada impedia o belo papagaio de avançar
Pois tinha por ela um amor doce e profundo
.
Esperto o papagaio disse-lhe serenamente
Tira as últimas quatro letras do meu nome
Vamos viver o amor que nos une docemente
Acredita que eu sou uma ave de renome
.
Na janela em frente, onde morava a piriquita
Ouvia-se cantares de musicas lindas, antigas
Mostrava a sua melancolia, tristeza e desdita
Por não poder namorar como outras raparigas
.
E assim um amor lindo não pode acontecer
Dia e noite, ambos se continuam olhando
Ele, canta, para que ela o consiga entender
Ela, num amor impossível, canta, chorando
..........................................................................

Para todas as amigas/os, votos de um feliz fim de semana, extensivo a todos os vossos familiares.
...

"" R y k @ r d o ""
...

65 comentários:

  1. Mas porque é que não pode acontecer? Triste não poder viver um amor assim..
    Gostei muito.
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  2. As grades impoem grandes distancias Ricardo '_'`)

    Parabéns ao que li
    bom fim de Semana com alegria
    bom dia
    também à fantasia e ao sorriso.

    ResponderEliminar
  3. Olá Ricardo,
    Que pena não poderem dar azo ao seu amor :(
    Encantada com estes extraordinários versos, parabéns pela inspiração!
    Um feliz fim-de-semana!
    Um abraço

    ResponderEliminar
  4. Curioso soneto, me ha gustado. Abrazos

    ResponderEliminar
  5. Respostas
    1. Quem me dera ter o talento que tinha Bocage. Mas o autor ( EU ) deste poema, agradece.

      Eliminar
  6. Curioso y original poema que me gustó leer.
    Saludos cordiales y buen fin de semana.

    ResponderEliminar
  7. Olá Ricardo. Curioso não poder acontecer esse amor. Nos dias de hoje tudo pode. Que acabe o preconceito e viva a liberdade de amar. Abraços.

    ResponderEliminar
  8. El amor no entiende de razas ni de clases sociales surge no se puede parar, Un poema en clave de humor pero con verdades escondidas. Un feliz finde para ti y los tuyos.

    ResponderEliminar
  9. Una lirica romantica, che acentua, in bei versi, la grandezza d'un amore impossibile...
    Buon fine settimana e un sorriso,Riccardo,silvia

    ResponderEliminar
  10. Ricardo em jeito de fábula, achei pouco o poema pouco menos que espectacular. Parabéns!

    ResponderEliminar
  11. Bom dia
    Mais um trabalho de se lhe tirar o chapéu .

    JR

    ResponderEliminar
  12. Triste quando o amor não pode acontecer. Linda poesia e casal escolhido,rs..abraços, ótimo fim de semana! chica

    ResponderEliminar
  13. Que conto engraçado contado em poesia :) Abraço

    ResponderEliminar
  14. Ohhhhh qué bonitooooo, me encantaaa. Feliz fin de semana.

    Abrazote utópico.-

    ResponderEliminar
  15. Precioso amigo Rykardo, fue un placer leerlo. Todo en la vida puede suceder.
    Un gran abrazo y feliz fin de semana amigo.

    ResponderEliminar
  16. Uma forma diferente de fazer poesia. Gostei.
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  17. Muito engraçado. Com algumas confusões e algumas incompreensões, ainda bem que nem um nem outro deixaram de cantar.
    Bom fim de semana, Ricardo, e que os pássaros também se sintam felizes e cantem cada vez mais.

    ResponderEliminar
  18. :)

    Muy ingenioso.
    El amor puede aparecer de mil maneras.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  19. Que linda y romántica historia, felicitaciones Ricardo.

    mariarosa

    ResponderEliminar
  20. Eu adorei. Muito legal essa paixão do papagaio.

    https://www.biigthais.com/

    Beijoos ;*

    ResponderEliminar
  21. Até as aves sofrem por amor! :))) "Até os bichinhos gostam"
    Amei o poema. Parabéns (roxinol) ups, Poeta! :)

    .
    Beijos, e um excelente fim de semana.

    ResponderEliminar
  22. Ah,Ricardo!
    Ainda acontece tanto isso de se encantar e não poder viver os sentimentos.
    Uma bão tarde!

    ResponderEliminar
  23. Até com as aves há amores impossíveis, não é justo.

    Bom fim de semana Ricardo

    ResponderEliminar
  24. Mucha ternura veo en este poema de amor imposible.Saludos

    ResponderEliminar
  25. Boa tarde Ricardo,
    Linda e original poesia!
    Coitados dos passarinhos, mereciam melhor sorte.
    Gostei.
    Beijinhos e um bom fim de semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  26. Muito interessante esta poesia, meus parabéns.

    Arthur Claro
    http://www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderEliminar
  27. "Um amor tem que ter um que de impossível,
    uma dificuldade que angustia,
    uma saudade que mata,
    um não sei o que que maltrata,
    tem que fazer doer o coração,
    - perder o ar e a razão.

    Amor, pra ser amor de verdade,
    tem que ter sofrimento e sacrifício
    - amor, para ser amor de verdade,
    tem que ter redenção... "

    Cumprimentos poéticos com um poema de Augusto Branco
    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grato pela visita e partilha, de um poema fabuloso, lindíssimo de ler, da autoria de Augusto Branco.
      Bom fim de semana

      Eliminar
  28. Até os bichinhos sofrem por amor.
    Não preciso nem dizer que adorei o poema, Ricardo.
    Parabéns!
    Lindo final de semana.
    Um abraço
    Verena.

    ResponderEliminar
  29. A atracção existe em todos os seres vivos... :)

    ResponderEliminar
  30. passando para desejar um feliz fim de semana bjs saude

    ResponderEliminar
  31. Gran historia de amor, con un Feliz final.

    Te deseo igualmente un feliz fin de semana.

    Besos

    ResponderEliminar
  32. Boa tarde Ricardo. Acho que temos muitos amores assim nessa atualidade. Bom final de semana.

    ResponderEliminar
  33. Ui tanta gente que chora porque se juntou por interesse e não por amor lolololol

    bom fim de semana

    ResponderEliminar
  34. Amores imposibles duran mais. Estam sempre a espera de uma posibilidade.
    Muito curioso poema. O amor entre pajaros não é tão diferente ao d@s humans.
    Bom finde, Rikardo.
    Bejs

    ResponderEliminar

  35. Querido poeta R y k @ r d o todo o meu carinho e gratidão por compartilhar tão lindo poema ,
    amei ler ...
    Te desejo muita luz ,paz e amor e feliz fim de semana 🙏
    Abraço carinhoso...🙏💐🌺

    ResponderEliminar
  36. Uma linda história de amor.

    Um excelente final de semana com muita saúde.
    Abraço

    ResponderEliminar
  37. Os amores impossíveis, são muitas vezes mais intensos e duradouros.
    Excelente poema, amigo Ricardo!
    Parabéns, pela inspiração!
    Votos de um excelente fim de semana!
    Abraço amigo.

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
  38. Uy pobres periquitos adsorbe la historia como un poema . Te mando un beso

    ResponderEliminar
  39. Lindo poema e fotos, amei! Os amores proibidos se atraem!

    Bom fim de semana, Ricardo!

    Saudações

    ResponderEliminar
  40. Amor imposible, pero que grato para el alma sentirlo...... Saludos amigo.

    ResponderEliminar
  41. Gostei do poema!!

    Bom fim de semana.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  42. Poema delicioso e divertido. Gostei.
    Parabéns.

    Abraço
    SOL da Esteva

    ResponderEliminar
  43. Uma poema sonante e belo que gostei muito!
    Obrigado e também para ti e todos os teus um bom fim de semana.
    Beijocas

    ResponderEliminar
  44. Bela metáfora de amores impossíveis por várias razões...


    Abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  45. Uma linda história de amor gostei muito um bjo.

    ResponderEliminar
  46. Our Lady of Lourdes, intercede for me and my family, cover us with your sacred mantle, I thank you in the name of the father of the child and the holy spirit amen 🙏

    ResponderEliminar
  47. Adorei, achei tão gracioso seu Poema, criativo e doce, mas triste pela impossibilidade desse amor... sou daquelas que ama um final feliz, mas não deu desta vez...coisas da vida.
    Bom fim de semana, Ricardo
    Um abraço
    Valéria

    ResponderEliminar
  48. Adorei o poema, lindo, com um pouco de tristeza, mas também de divertido! :) Bom fim de semana.
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  49. Olá Ricardo
    Poema cheio de criatividade, gostei muito. Um forte abraço.

    ResponderEliminar
  50. Que poema tão lindo, com uma história tão curiosa.
    Cumprimentos
    Coisas de Feltro

    ResponderEliminar
  51. Como uma fábula... La Fontaine aplaudiria...

    Parabéns pela inspiração, poeta.
    ~~~~

    ResponderEliminar
  52. Fez-me lembrar a história de amor de «O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá».

    ResponderEliminar
  53. Amores à distância... acho que este casal, chegou em força à era das redes sociais... onde tanta gente, em algumas delas, vive assim... e durante anos!...
    Talento poético, humor e criatividade, numa conjugação perfeita!
    Adorei ler! Um grande abraço!
    Ana

    ResponderEliminar

Gostou do que leu? Se gostou deixe uma palavrinha. Se não gostou deixe na mesma ... Leve consigo o meu agradecimento pela sua visita, quiçá, também comentário. Obrigado de coração.