sexta-feira, 29 de maio de 2009

Delírios de vento sopram no arvoredo
São gritos de chamamento da mente
Ecos da sombra eterna do meu medo
De te recordar e amar eternamente

Vazios de memória em límpida alma
Desfalecem de encontro à sabedoria
Trazem-me ecos de tanta tarde calma
Juras não cumpridas que disse um dia

A ventosidade que me esbate o rosto
Acorda-me do reverso do fino oposto
Falando à luz segredos que te prometi

E uma lágrima que cai na melancolia
Diz-me que o amor que brotou um dia
Não me deixa separar e esquecer de ti
.

8 comentários:

  1. O amor é lindo
    bjs

    Isabel Nogueira

    ResponderEliminar
  2. Adorei, adorei, adorei.
    Cada dia que passa mais bonita e bela é a tua poesia
    Tens um coração lindo

    Maria

    ResponderEliminar
  3. Nossa...adorei este poema!!

    Lindo!!

    *Andas sumidos hein?

    Bjos no coração!

    ResponderEliminar
  4. Decore sua alma ,
    da forma mais linda que souber,
    com uma poesia que lhe toque o coração,
    para que na sua mudez, seja feliz,
    pois alma que é, será sempre sua,
    sem que ninguém no mundo a tire de você.
    (Eda Carneiro da Rocha)

    Desejo a você um maravilhoso final de semana,
    Com muita paz e carinho.

    Sônia

    ResponderEliminar
  5. Meu Amigo,desculpa a ausência de
    comentários.Ñ de presença pq.
    leio-te sempre.
    Poema q. toca o coração.
    Beijo.
    isa.

    ResponderEliminar
  6. OLÁ QUERIDO AMIGO, BELÍSSIMO SONETO... PARABÉNS!!!
    ABRAÇO DE CARINHO,
    FERNANDINHA

    ResponderEliminar
  7. Onde surge o Amor ...
    surge a magia ...
    sem tempo ...
    com cor...

    Viva o Amor ...
    Simples
    Belo
    Harmonioso
    O equilíbrio perfeito dos sentidos

    ResponderEliminar
  8. O “Lírios” assinala o Dia Mundial da Criança.
    Queres ir conferir?
    Um dia feliz.

    Beijinhos
    Mariazita

    ResponderEliminar

Gostou do que leu? Se gostou deixe uma palavrinha. Se não gostou deixe na mesma ... Leve consigo o meu agradecimento pela sua visita, quiçá, também comentário. Obrigado de coração.