quinta-feira, 6 de junho de 2013

Esperando por ti...


Sentei-me sobre o areal
Raios solares batiam no meu rosto
Fresca brisa vinda do mar
Arrepiava o meu corpo
Trocamos o olhar
Serenamente toquei a tua mão
Incontrolável situação
Senti como estremeceste
Num desejo do coração
Fechaste os olhos em aceitação
Um leve suspiro
Denunciava paixão
Tanto que te queria dizer
Nossas bocas se procuraram
No silêncio das palavras
Surgiu o beijo desejado
louco, apaixonado
Pés molhados pela água que chegava
Qual testemunha do incontido desejo
Da solidão cortada pelos suspiros
De duas almas em paixão acalorada
Senti que acordava
De um sonho irreal
E, cansado, por te esperar
Sentei-me sobre o areal
.

15 comentários:

  1. Lindissimo, cheio de magia e sentimento

    ResponderEliminar
  2. Olá Ricardo
    Que composição linda! Parabéns poeta. Voltarei mais vezes. To te seguindo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Leila Bomfim, pelas tuas palavras amigas e carinhosas

      Volta sempre

      Eliminar
  3. Arrepiante num misto de desejo e sonhadora paixão.

    ResponderEliminar
  4. Maravilhoso.
    Impossível não viajar nestas belíssimos palavras

    Parabéns!

    ResponderEliminar
  5. Um encantador espaço repleto de maravilhosos sentimentos será um grande prazer voltar sempre aqui!

    ResponderEliminar
  6. Bom dia! Lindo, com um doce tom de melancolia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde Ana Bailune

      Obrigado pela visita e pelo elogio que me fez feliz

      Regresse sempre

      Eliminar