domingo, 24 de maio de 2020

Falar de amor

( Imagem da net )
...
Queres comigo, falar de amor
.
Viver o sentimento interior
Falar de coisas usuais
De cinema, livros, campo, mar
Coisas simples, triviais
Das conversas que nunca tivemos
Alegrias, noites frias, realidade
Das tristezas que vivemos
Dos passeios em liberdade
.
Vem comigo, falar de amor
.
Palavras soltas, beijos trocados
Tantos abraços apertados
Da ternura que nos envolvia
Dos sorrisos de felicidade
Das fugas à verdade
Quando tarde um de nós chegava
Mentia, e o outro acreditava
Na jurada fidelidade
.
Vem comigo, falar de amor
.
Caminhos separados, resta a dor
O desfolhar de uma qualquer flor
Bem-me-quer, mal-me-quer
Secaram as juras de amor
As promessas por concretizar
Esquecidas na tua voz de mulher
Que nunca num momento sequer
Ousaste, ou quiseste perguntar
.
Se contigo queria,  falar de amor

...
" R y k @ r d o "
.

37 comentários:

  1. Nem sempre o coração de quem se ama está na mesma frequência do nosso.
    Gostei.
    Abraço, saúde e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  2. Falar de Amor, dialogar com os sentimentos, prender os sentidos...
    Poema muito especial. Parabéns.



    Abraço
    SOL

    ResponderEliminar
  3. Lindo convite a falar de amor que, aliás, sempre te inspira bem! abraços, chica

    ResponderEliminar
  4. É preciso falar de tudo, principalmente de amor. O mutismo é como deixar sem rega uma flor.

    Bom fim-de-semana!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  5. Es muy importante y necesario hablar de amor de vez en cuando. Es ese sentimiento que mueve el mundo.
    Un abrazo, Ricardo

    ResponderEliminar
  6. Posso levar comigo o Caldor Amadeo?!

    Quem é que não quer passear contigo, Rike?!Falando de coisas triviais como futebol e amor.Caminhada alegre, primaveril, encantadora ... como este belo POEMA.

    Um fim-de-semana borbulhante, caminhando acompanhado e feliz.

    ResponderEliminar
  7. Exatamente isso poeta,falar de vida...de coisas soltas, bobas.
    Falar de tudo e de nada importante.
    Magnífico!
    Xeru

    ResponderEliminar
  8. Falar de amor... Ou melhor viver o AMOR e no amor... é o presente mais valioso que podemos realizar e receber...

    Sempre muito lindo os seus poemas, e quando falas de amor, toca a alma da gente.
    Um grande abraço de Luz ✨🥀🌿🎉

    ResponderEliminar
  9. Y es que el amor… hay que sentirlo, vivirlo, hacerlo… y hablarlo…

    Y tú lo has hablado y poetizado muy bonito…

    Un placer, Ryk@rdo.

    Bsoss, y feliz día.

    ResponderEliminar
  10. Es importante alimentarnos de ese amor con palabras, miradas para que no decaiga.
    Besitos y buen finde!

    ResponderEliminar
  11. Este poema fez-me lembrar a musica "dos Santos e Pecadores - Fala-me de amor"! Soberba inspiração, como já é teu costume. Brindas-nos com as mais lindas pérolas D'Amor! :))

    Beijos e um excelente fim de semana! :)

    ResponderEliminar
  12. Vim aqui falar que te desejo um excelente fim de semana, Ricado.
    Lindo poema!
    Um carinhoso abraço.
    Verena.

    ResponderEliminar
  13. O amor deve ser tratado da mesma maneira que uma flor no peitoril da janela . Sem água o amore não cresce.
    Abraço

    ResponderEliminar
  14. Gran sentimiento el amor.
    Profundo poema.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  15. En cualquier tema, en cualquier situación hay amor, en la cocina, paseando, escuchando una canción, haciendo las tareas... el amor está ahí y ese es amor real y verdadero. Un abrazo

    ResponderEliminar
  16. Queres comigo, falar de amor?
    Não, obrigada!

    Falar de coisas usuais ainda vá que não vá...
    De cinema, livros, campo, mar
    Coisas simples, triviais

    das tristezas, também dispenso
    são demasiadas...

    Poema muito profundo
    Parabéns obrigada pela partilha.

    Por aqui

    http://pensamentosimagens.blogspot.com/ 

    http://momentos-perfeitos.blogspot.com/ 

    Cuide-se
    bom fim de semana

    ResponderEliminar
  17. Falar de AMOR parece fácil se à conversa juntarmos a beleza do AMAR!!!
    BJ

    ResponderEliminar
  18. Nem sempre é fácil falar de amor.
    Abraço

    ResponderEliminar
  19. Bom inicio de conversa falar de Amor!
    O poema é lindíssimo!
    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  20. Sabe tão bem falar de amor. Quando poetizado é um afago para o coração
    Tudo de bom para si, Ricardo, use a máscara se sair de casa.

    ResponderEliminar
  21. Pode- se falar de amor quando ambas as partes vibram na mesma frequência.
    Mais um lindo poema.

    Abraço Ricardo

    ResponderEliminar
  22. Poema maravilhoso!!
    Bom fim de semana.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  23. Linda poesia!!! É necessário falar de amor! Encantador convite, mas nem sempre o outro coração está na mesma frequencia
    Bom final de semana!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  24. Falar de amor é fácil, dificil é vivê-lo...

    Bom fim de semana :) Saudações

    ResponderEliminar
  25. Uma cumplicidade que agradava ao dois e desliza no poema, sem compromisso. Mas as expectativas eram, afinal, diferentes. Coisas da vida que o poeta descreve harmoniosamente.

    Abraço, amigo Ricardo.

    ResponderEliminar
  26. Boa noite Ricardo,
    Poema belíssimo!
    Entrar em diálogo com quem amamos é maravilhoso.
    Um beijinho e um ótimo domingo, com saúde.
    Ailime

    ResponderEliminar
  27. Mais um doce poema!
    Este revela a tristeza de quem tem memórias e queria falar de amor!
    Achei lindo!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  28. Que bello es hablar de amor y tu lo haces de maravilla en tus versos, saludos amigo. Cuídate.

    ResponderEliminar
  29. Hablemos de todo menos del tiempo, que dice una canción de Vetusta Morla.

    Abrazote utópico.-

    ResponderEliminar
  30. Durante a minha caminhada de ontem, "Falar de amor", poema que tanto me agrada, esteve todo o tempo no meu pensamento. Claro está, que com o Caldor Amadeo não posso falar de amor, de futebol, dos planos para o verão. Mas é com ele, que me sinto segura pelos caminhos solitários que procuro.

    Um beijinho sem máscara, Rike. Recebi de presente duas máscaras tão bonitas, que se tu as visses, querias as máscaras e não os meus beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. És um amor fraternal
      Com palavras de ternura
      Não há mascara nem coisa e tal
      que sejam tão calientes
      Como os teus beijos de doçura
      .
      Jamais trocaria
      A vontade, pelo desejo
      Nem uma máscara impediria
      De sentir o teu beijo
      ....................
      Não me batas, lol

      Eliminar
  31. Quando se está bem e com quem queremos bem, é fácil falar de amor mesmo sem palavras

    ResponderEliminar