domingo, 8 de abril de 2018

Desígnios da Vivência.



Nas emoções que a vida me ofertou
Corre uma lágrima de amor profundo
Guardo um sonho que ao meu fundo
Por ironia do destino, nunca chegou
.
São meus delírios como rosas floridas
Que escurecem as suas cores de prata
Sinto os espinhos como golpes de faca
Guardo um caderno de rimas perdidas
.
Vagueio pelo mundo que parecia certo
Calco areais, piso calçadas, duro chão
Guardo-te em mim em frágil sensação
Lembro tanto beijo d'um sabor incerto
.
Foi um mal, um dia ter-te conhecido
Nas incertezas da promessa imatura
Em que tudo brilhou na noite escura
Luz que, para sempre,viverá comigo
.

18 comentários:

  1. Deliciosamente belo.
    Domingo feliz
    Grande abraço

    ResponderEliminar
  2. Muito bem inspirada essa bela poesia! abraços,chica, lindo dia!

    ResponderEliminar
  3. Um poema muito bonito e sensível. Um Poeta de mão cheia. Adorei. Parabéns :))


    Hoje:- {Poetizando e Encantando } Embriagada na timidez de um sonho.
    -
    Bjos
    Votos de um Óptimo Domingo.

    ResponderEliminar
  4. Boa tarde Poeta!
    Como sempre, nos fazes vaguear nas tuas instigantes palavras, deixando a mente e fervilhar :) AMEI!!!


    Especial:- A vida sem a natureza jamais fará sentido (Poetizando...)
    .
    Beijinhos e um bom Domingo.

    ResponderEliminar
  5. Poema de amor e desamor...mas bem escrito.
    Uma certa nostalgia e também muita ternura.
    Bom domingo!
    Beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  6. Calco areais, piso calçadas, duro chão
    Guardo-te em mim em frágil sensação ... e assim o poeta vai construindo um poema que se gosta de ler!!!
    bj

    ResponderEliminar
  7. Oi Ricardo,
    Um amor de poema, pena que o amor não se concretizou, tenha certeza nunca você esquecerá.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  8. Olá, Ricardo!
    "Corre uma lágrima de amor profundo"...

    Assim é, muitas vezes o amor... pena que seja desta forma tão triste!
    Seja muito feliz e abençoado junto aos seus amados!
    Abraços fraternos de paz e bem

    ResponderEliminar
  9. Bonita composição Ricardo,
    Versos sinceros e carregados de sentimentos.
    Existem amores que nunca se concretizarão,
    mas serão uma doce lembrança...
    Beijos!

    ResponderEliminar
  10. Sentimento à flor da pele.
    Aquele abraço, boa semana

    ResponderEliminar
  11. A bela sina das paixões.
    Abraços e grato pela visita

    ResponderEliminar
  12. Mais um belo poema cheio de melancolia.
    Uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  13. Sensibilidade em versos; belíssimo versejar!
    Abraço!

    ResponderEliminar
  14. Belíssima sinfonia...e poema..que acalantam a nossa alma.
    abraços carinhosos meus .

    ResponderEliminar
  15. Numa só palavra...BRILHANTE!
    Adoro todo o teu poder poético! Todas as emoções e palavras soberbamente escolhidas!
    Beijinho grande!

    ResponderEliminar