quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Partiram as palavras num sentimento só

***/***

Partiram as palavras num sentimento só
Deixando na garganta o nó da saudade
Lágrimas cruéis caiam pelo solo sem dó
Nos silêncios campestres da infinidade

Partiram os desejos e a vontade de vencer
Sentimentos chegaram nas ondas da ilusão
Solitárias emoções que se deixaram morrer
Em arestas cruzadas de um dorido coração

Partiram as estrelas, fundiram-se na alvura
Levaram junto as palavras que porventura
Eram o elo seguro de tão mélica amizade

Partiram as auroras sem qualquer direcção
Deixaram tão sós, beijos de amor e paixão
Que formavam as fantasias da felicidade
..............

14 comentários:

  1. Caro amigo Ricardo, eis um belo soneto. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenha uma boa tarde.

    ResponderEliminar
  2. Uns partem, outros vão chegando!
    O seu poema é lindo de morrer. Parabéns.
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Podem partir as palavras, podem partir os sentimentos,mas se partirem também as estrelas, num novo amanhecer haverá uma nova estrela, com novos sentimentos, novas fantasias.
    Resumo este poema numa palavra só: BRILHANTE!

    ResponderEliminar
  4. Que saudade profunda, embora de uma felicidade que não terá passado de fantasia?...
    Muito bem elaborado!
    xx

    ResponderEliminar
  5. Poema fabuloso onde emoções tristes dominam mas a poesia é assim e todas os estados de alma têm que ter o seu protagonismo. Adorei Ricardo...tuas palavras brilham e reflectem a tua grandiosa e sentimental alma...um beijinho e resto de dia feliz

    ResponderEliminar
  6. Um lindo soneto de uma saudade que jamais morrerá,mesmo que seja uma fantasia de amar.
    Lindo Ricardo.
    bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  7. Belíssimo poema, este Ricardo.
    Como já disse tanta vez, é tão difícil comentar os GRANDES POETAS. Tu és portador de um sensível coração e de uma alma enorme, que todos os dias esbarra no sucesso da Poesia. Parabéns
    AMEI

    Beijo

    ResponderEliminar
  8. Olá meus amigos.

    Parabéns pelo belo trabalho neste seu site.
    Já tornei-me vosso seguidor. Aproveitamos a oportunidade
    Para compartilhar também com vocês o nosso blog.
    Ficaremos felizes por vossa visita e mais ainda se seguir-nos.

    Atenciosamente

    Josiel Dias
    http://josiel-dias.blogspot.com
    Rio de Janeiro
    Brazil

    ResponderEliminar
  9. Triste, porém, belíssimo esse soneto, Ricardo.
    Gostei!
    Beijo!

    ResponderEliminar
  10. Reparo que os meus poetas favoritos andam inspirados.
    Lindo
    Estava dificil de entrar aqui.
    Bjs

    ResponderEliminar
  11. Paisagem e poema maravilhosos cheios de amor e carinho. Amei
    Bjo

    ResponderEliminar
  12. Las emociones y sentimientos son musas del poeta
    Abrazos

    ResponderEliminar
  13. Que belo momento este aqui de o ler e ouvir esta maravilhosa musica de fundo.
    Adorei

    ResponderEliminar
  14. "Deixaram tão sós, beijos de amor e paixão..."
    Simplesmente lindo!!!!
    Bjus poeta

    ResponderEliminar