sábado, 20 de dezembro de 2008

Vejo-te no meu pensamento
Pareces triste, porquê?
Não és tu o infinito do sentimento?
Sim és.
Por isso te amo tanto.

1 comentário:

Gostou do que leu? Se gostou deixe uma palavrinha. Se não gostou deixe na mesma ... Leve consigo o meu agradecimento pela sua visita, quiçá, também comentário. Obrigado de coração.