quarta-feira, 14 de março de 2018

Rosas e espinhos de dor ... em pétalas musicais



Caminhar pelo campo por entre flores e aragens
Pétalas que dançam músicas de líricas emoções
São musas desejando amar em versos e imagens
Os afectos que as olham no desejo dos corações
.
São devotas, as flores aromadas, no seu baloiçar
Transferem felicidade em cadência harmonizada
Soltas súplicas e religiosidade em fecundo amar
Como a maresia que acorda liberta e apaixonada
.
Como o mar que viaja oscilando em rima e amor
Assim dança a rosa com os seus espinhos de dor
Que fulgem no afecto de suas pétalas vermelhas
.
Nem sempre as planícies são aridez de insulação
Saber olhá-la com olhares enviados pelo coração
Como não as considerar. Como não gostar delas

15 comentários:

  1. Bom dia. Adivinha-se a Primavera, por aqui.Porém, hoje temos tempestade. Vale-nos este poema... para esquecer o tempo lá fora. Muitos Parabéns.

    .
    Bjos
    Votos de uma boa Quarta-Feira

    ResponderEliminar
  2. É bom voltar a ler a sua poesia...

    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Que lindo Ricardo!
    Suas palavras soam como um piano tocando e as rosas dançando ao som dele e do vento.
    Amei.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  4. Boa tarde, Ricardo!

    Mais um brilhante poema que nos embala o coração, pelo seu perfume poético!! AMEI

    Beijo

    ResponderEliminar
  5. Bom dia, Ricardo
    Lindo poema, abraços.

    ResponderEliminar
  6. E como não gostar de tão bela e boa poesia!!!bj

    ResponderEliminar
  7. E como não gostar de tão bela e boa poesia!!!bj

    ResponderEliminar
  8. Olá, Ricardo!
    Impossível não amar as flores e tudo que a natureza nos oferta com amor.
    Seja muito feliz e abençoada junto aos seus amados!
    Abraços fraternos de paz e bem

    ResponderEliminar
  9. Olá, Poeta Ricardo Águia-Livre !
    Falar das rosas e do mar, é tarefa para um
    Poeta inspirado. Belos versos, Amigos.
    Parabéns, com o meu abraço, aqui do Brasil.
    Sinval.

    ResponderEliminar
  10. As rosas
    A natureza
    E a inspiração do Poeta
    Como não gostar deste trabalho?!

    belíssimo!

    bom fim de semana.

    beijinhos

    :)

    ResponderEliminar
  11. Um soneto tão belo quanto a dança das rosas.
    Bom fim de semana
    Um abraço
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  12. Mágico, harminoso, encantador...........nem todas as palavras chegariam para elogiar este poema ( e os outros claro!)
    AMEI! Como sempre és duma sensibilidade peculiar!

    Um grande beijinho

    ResponderEliminar
  13. E como não gostar de tão bela e boa poesia!!!bj
    RoyalRuby
    Gclub

    ResponderEliminar