quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Rimas ou versos de amor...

.../...

 Gostava de escrever algo de primoroso para ti
Onde te mostrasse as ondas do meu pensamento
Um poema que dissesse o que tenho retido aqui
E sentisses no peito a força do meu sentimento

Não precisava ser em rima ou versos de amor
Bastava que o teu coração sentisse bater o meu
Que tu te sentisses como a mais bela e doce flor
Num poema em palavras deste amor que é teu

Seriam palavras entrançadas em polidez e calma
Quentes na frescura que te satisfizessem a alma
Mostrando nas rimas que este amor não é ilusão

Em palavras fáceis mostrar-te a força do saber
Sorrindo nas lágrimas que choro por não te ter
Em perfumados versos que enchem meu coração
.............................

25 comentários:

  1. Mais um poema que me deixou emocionada. Que lindo para uma mulher que sinta que o poema é para ela.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  2. Ao ler o teu poema mandei calar o meu coração e fi-lo ficar em silêncio apenas a escutar a a minha voz que lia cada palavra, rima e verso.
    Como sempre um dos mais lindos poemas que escreveste
    Beijo do Sul de França

    ResponderEliminar
  3. Uma ode à forma de fazer poesia sempre com elevado valor poético que engrandece quem gosta de ler poemas de amor. Sempre belo ler o que o Riucardo águialivre escreve
    Abraço

    ResponderEliminar
  4. Olá Ricardo
    Parabéns, por mais soberbo grito de Amor.

    Beijo

    ResponderEliminar
  5. amigo Ricardo que lindo poema,Como sabes descrever o amor com tanta facilidade,com tanta ternura....ja agora vou dizer-te uma coisa que ainda não disse.Adoro a musica do teu blog....um beijo

    ResponderEliminar
  6. Amigo, vejo em ti o Vinicius de Moraes da poesia portuguesa.
    Um abração daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa noite.

    ResponderEliminar
  7. Posso dizer que estás como o vinho do porto?? Escreves cada vez melhor, ou sejas tu, o meu Poeta preferido. SOBERBO POEMA
    O Dilmar tem razão.

    Beijo

    ResponderEliminar
  8. Tão bonito este poema, qual e a mulher que não gosta assim duma declaração destas? B
    Continue a escrever, gostamos de ler.
    Bjs

    ResponderEliminar
  9. Palavras para quê? Basta sentir emoção...as palavras trespassam o coração...como é bom amar e ser amado...como é tão bom sentir essa força do amor...parabéns Ricardo, solta o grito que há em ti

    ResponderEliminar
  10. Dos versos mais belos que por aqui já li!!... Li, e reli.
    Muito bonito, Ricardo.
    Mas a Cidália dizer que "estás como o vinho do Porto"...não sei se será o melhor dos elogios ;-)) Estou a brincar é, claro.
    xx

    ResponderEliminar
  11. Tens razão, Cidália, na badalhoca como melhor e mais barato que naquela espelunca toda xpto...
    :)))

    ResponderEliminar
  12. Que lindo, grande beijo e boa noite

    ResponderEliminar
  13. As palavras na expressão das emoções ...um fio de voz que pede liberdade para amar!

    Este ...poema pede nas palavras esculpidas pela força do amor ...a junção do cavaleiro, o moinho, a donzela...

    Dá imenso gosto ler e reler!

    ResponderEliminar
  14. Passar aqui, te ler, confirmando a inspiração que sempre é linda! abraços,chica

    ResponderEliminar
  15. Lindo! É de encantar a alma!

    Um lindo dia!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  16. Poema encantador que entra no coração de uma mulher e faz vibrar a alma de amor
    Que maravilhoso poeta é o Ricardo, continue sempre assim a maravilhar os seus leitores e fâs, como eu..
    Bjs

    ResponderEliminar
  17. Hoje é dia de visita ao teu blog, por tal motivo, venho desejar-te um fim de semana cheio de alegria e, ao mesmo tempo, acalentar-te no sentido de, continuares com as tuas belíssimas publicações, como é o caso em apreço.
    Um abraço com dá Algarve.
    UM RAIO DE LUZ E FEZ-SE LUZ
    António Manuel - Tómanel

    ResponderEliminar
  18. Olá Ricardo, seu soneto de amor dispensa maiores palavras para quem sabe defini-lo.
    Li e reli e também me emocionei, o que é bom, pois você atingiu seu objetivo, comover corações. Tenha um lindo dia. Bj!

    ResponderEliminar
  19. Magnífico e melancólico soneto!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  20. Oi poeta Ricardo,
    Poesia de amor é a mais linda, só as escreve e emocia quem ama ou um dia amou demais.
    Linda poesia!
    Obrigada pelo carinho
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  21. Ricardo.a cada dia você se supera na beleza de seus poemas.

    Desculpe não o ter visitado antes,mas estou com meu marido convalescendo de uma cirurgia e entrando pouco no blog para postar, comentar e retribuir. Sem tempo mesmo,querido amigo..
    Obrigada pela visita!

    Beijos e uma semana de alegrias

    Donetzka

    Face Book:

    https://www.facebook.com/donetzka.cercck

    Twitter: @donetzka13

    Instagram: @donetzka


    http://instagram.com/donetzka

    Flickr(Minha galeria de imagens):

    https://www.flickr.com/photos/123498631@N06/

    Youtube (Meu canal):

    http://www.youtube.com/channel/UCnVpBs2C-vL6fd1BaRH3lrA/about


    Blog Magia de Donetzka











    ResponderEliminar
  22. OI RICARDO!
    E OS VERSOS SAÍRAM DO CORAÇÃO MESMO, DADA A BELEZA DA CONSTRUÇÃO POÉTICA.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  23. Olá Ricardo,

    Seus versos são inspiradores. Sempre venho aqui, mesmo sem comentar.
    beijos e ótimas inspirações

    www.minhasinspiracoes.blogspot.com.br

    abs

    ResponderEliminar