domingo, 6 de outubro de 2013

Dá-me teu amor...


Dá-me teu amor em beijo meiguinho
Despreza as palavras faladas outrora
Olha-me com teus olhos de passarinho
Esquece fantasmas e entrega-te agora

Querença que deleita teu ser de ventura
Que te deixa em labareda, apaixonada
Fará que a tua alma por demais, pura
Faça que por mim sejas sempre amada

Deixa que a paz entre em teu coração
Que se entregue em pureza e paixão
Abre tua alma meiguinha de mulher

Oferece-me teus lábios que anseio
Num beijo doce ...  sem receio
A este homem que  tanto te quer
*

14 comentários:

  1. Bom dia querido Ricardo,ouvir essa bela musica e ler seu soneto me despertou logo cedo, muito bom, esquecer fantasmas !
    Muito lindo, Dá-me teu amor... Parabéns, e um bom dia viu?

    bjs

    Maria Machado

    ResponderEliminar
  2. Oi Ricardo,
    Adorei sua poesia sensual
    Um bom domingo
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  3. Ah tão meigo, mais tão ardente nas entrelinhas... apaixonante! Deixo um abraço.

    ResponderEliminar
  4. Dou-te... meu modo de comentar
    Desejo-te paz no teu coração
    Entre esta música e teu Poetar
    Uma lágrima espreita de emoção.

    Lindo...maravilhoso..."apaixonante"...Soberbo!! = Amei. (:

    Tem um excelente Domingo.
    Beijo

    ResponderEliminar
  5. Com essa beleza da tua poesia
    Ao teu amor ela vai se entregar
    E juntos como pássaros, durante toda vida
    Irão perceber a alegria de amar!

    Muito boa a poesia :) Abraços
    http://aspoderosas1.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  6. Consegues aliar muito bem romantismo com sensualidade. Gostei muito da última estrofe; pois, às vezes os fantasmas que provocam receio são um autêntico obstáculo para a abertura ao amor. Mas esse primeiro beijo é sempre a chave de tudo.
    Parabéns!
    xx

    ResponderEliminar
  7. Possa dar uma flor
    Florida e perfumada
    Se eu desse o meu amor
    A alguém, sem ele ficava!

    Belo poema o seu, amigo Ricardo
    Resto de bom domingo
    E um abraço do Eduardo.

    ResponderEliminar
  8. Olá Ricardo bom dia
    Gostei muito deste soneto. É ternurento.
    Uma bela declaração de amor para a amada.
    É sempre gratificante sentir um amor 'meigo', nos olhos de 'pássaro'... visto pelos 'olhos duma imponente águia'.
    Gostei bastante.

    Obrigada pela visita ao meu blog.
    Só não entendi o porquê de não gostar da não verificação das palavras??? Isso faz parte da politica do blogger para evitar os spam (eu acho) não fui eu quem instituiu. Mas de qualquer maneira fica registrado o seu desagrado.
    Mas volte sempre que terei muito prazer em receber uma 'águia' no meu cantinho de 'águia' que sou. (Benfiquista desde que nasci).
    Meu pensamento é positivo sempre e em qualquer lugar, mas... poesia é outro 'departamento'!
    Abraços poéticos.
    Anna

    ResponderEliminar
  9. Cada poema teu é um bálsamo para o meu coração
    Que lindo poema Ricardo, cheio de amor e mensagem de carinho como só tu sabes escrever
    Beijinho

    ResponderEliminar
  10. Poema maravilho de amor que faz sonhar uma mulher
    Abraço

    ResponderEliminar
  11. TRAZENDO MEU DESEJO DE UM LINDO DIA DE DOMINGO.ENCONTRO SEU DESEJO TBM PARA UNIRMOS NOSSOS DESEJOS.
    O POEMA É FENOMENAL E ATRAENTE.POR TRAZER O AMOR COMO TEMA.
    AINDA TRAGO UM CONVITE ESPECIAL:
    O BLOG MILAGRE DO POETA DANIEL ESTÁ COM UM LINDO POEMA NOMINAL DEDICADO A NOSSA AMIGA BLOGUEIRA CHICA .CONVIDO PARA UMA FORÇA E APOIO COMENTANDO.
    http://danielmilagre.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  12. Delícia de poema!!!!!!
    bjos

    www.minhasinspiracoes.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  13. Vou pedir para o Grandão ler para mim, e daí responderei: "Sim"!
    Gostoso demais!
    Bjs
    Ritinha

    ResponderEliminar
  14. Um lindo soneto! Um pedido que é feito pelo coração de quem ama. Abraço.

    ResponderEliminar