quinta-feira, 1 de abril de 2010

Ilusão em areais

Águas em areais de fino pranto
Caminhos de dados momentos
Bens aprazidos de rouco manto
Trocas de beijos em sentimentos

Olhares roucos de imortal ilusão
Sol quente em palavra que seduz
Juras feitas em amor de coração
Amores húmidos em raios de luz

Mãos de amor e promessas de vida
Retiro de almas em tenção aguerrida
Palavras se escutam entre madrigais

Caminhos de formosura e desejo
Permutas ávidas em límpido beijo
Corações unidos trilham os areais

3 comentários:

  1. Um soneto... Sou apaixonada por sonetos, parabéns!

    Beijinhos,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  2. Obrigada pelo comentário.
    É sempre bom receber o apoio neste altura inicial.
    Continue a visitar , o blog estará sempre disponivel.

    A gerência:

    www.david--luiz.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Olá,
    Faz tempo eu não recebia uma visita sua, achava que já nem lembravas de mim, aliás pelo coments que vc deixou não lembra
    :)
    Mas tudo bem, adorei assim mesmo
    Eu adoro os seus versos, esse seu cantinho.
    Que vc tenha um bom Domingo, boa sorte para o seu time
    Beijos na alma!

    ResponderEliminar