segunda-feira, 29 de junho de 2020

Chuva na vidraça

IP
Chove lá fora. Vejo como bate na vidraça
Escorrendo, oferece carinho e sentimento
Purifica o espírito de quem nela se enlaça
Cria nostalgia nos sorrisos do pensamento
Parece doar amor nas suas gotas delicadas
Como uma trova que a mente compreende
Afectos vão libertando águas aprisionadas
Que o distinto e árido coração, surpreende
Chove lá fora. Águas soltas como num rio
Abençoando o sentimento que triste e frio
Sofre de emoções corporais, tão dolorosas
Queria perceber, a chuva, e o seu mistério
Talvez, quando o meu corpo no cemitério
Estiver envolvido pelo perfume das rosas


" R y k @ r d o "
.

58 comentários:

  1. Muy buen lunes, esa lluvia que nos cala y a la vez nos limpia de todo.
    Cuantos poemas nos dejan esas gotas.
    Abrazos.

    ResponderEliminar
  2. A chuva envolve por vezes o nosso coração em nostalgia e alguma tristeza.
    Belíssimo soneto.
    Boa semana
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Gostei do que li. Parabéns pelo blogue, que eu até já seguia:-)

    ResponderEliminar
  4. hj parece q vai melhorar um pouco, mas tá bem frio. beijos, pedrita

    ResponderEliminar
  5. Gusta ver la lluvia en los cristales, desde el interior de la casa. Podemos contemplar tranquilamente la lluvia, sin necesidad de mojarnos.

    Creo que sentado en tu sillón favorito, has contemplado esa lluvia y en tu cuaderno has dejado escrito, ese hermosos poema.

    Besos

    ResponderEliminar
  6. Mais uma maravilhosa poesia,adorei! Ótima semana! abraços, chica

    ResponderEliminar
  7. Lindissimo poema.

    Alegre S. Pedro e boa semana

    Saudações cordiais

    ResponderEliminar
  8. Ricardo mais uma poesia maravilhosa, a chuva tem os seus mistérios, Ricardo abraços.

    ResponderEliminar
  9. Me gusta la lluvia, pasear con las manos en los bolsillos o detrás de los cristales disfrutando de poesía, la tuya es genial para una tarde de café y lluvia. Un abrazo

    ResponderEliminar
  10. Beautiful words, your feelings inscribed here, wonderful elation, but there will be other beautiful words that will damage.

    ResponderEliminar
  11. Gostar da chuva na vidraça. A chuva que é amada por quem sabe tudo de paixões. Gostei do poema belo e melancólico.
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  12. Segundo as previsões dos meteorologistas, há chuva e trovoada ao fim da tarde na região, onde vivo. Então, vou nua para o meu jardim e, recito em voz alto o teu apolíneo soneto, como uma arte de agradecimento ♥

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vais nua?

      Onde, onde, onde ..... fica o teu jardim? !!! lol

      Eliminar
    2. Vergar à tristeza não é alternativa de um verdadeiro benfiquista, Ricardo.

      Mesmo que não valha nada, mando-vos um abraço solidário.

      Como portista, achei de mau gosto, cometar no Belo Voar da Águia.

      Boa noite.

      Eliminar
    3. Teresa

      És um amor de mulher e de amiga.

      Não. Não me vergo à tristeza... mas fico triste quando o Benfica perde.

      Tudo passa como o vento.
      Como o vento que passa
      Existe tanto tormento
      Sendo apenas um momento
      De descontentamento
      Não sendo nenhuma desgraça
      .
      Beijinho em TU.

      Eliminar
  13. Este hoje foi pesado. Não é feio, atenção...

    Beijocas

    ResponderEliminar
  14. Nada como ver esa lluvia que tras los cristales se adueña de nuestros días.
    Buena semana tengas.
    Besitos

    ResponderEliminar
  15. Ohhhh um maravilhoso poema, mas muito melancólico... chega a ser triste, com o corpo no cemitério para sentir o perfume das rosas 😪
    Parabéns, você é brilhante em todas suas poesias!

    ResponderEliminar
  16. Aqui na minha terra a seca continua a maltratar a fauna .
    Um abraço

    ResponderEliminar
  17. Olá Ricardo,
    Hoje parece-me mais melancólico que o habitual, mas há dias assim, não é?
    Apesar de triste é um belíssimo poema, sempre muitíssimo bem escrito.
    Desejo-lhe uma semana feliz, beijinho!

    ResponderEliminar
  18. La lluvia tiene un encanto especial.

    Y tus versos son muy hermosos.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  19. I love rainy days.
    They bring back memories of my childhood.
    Rainy days when I would read, embroider, draw, color and feel so snug, warm safe and loved.
    I still love rainy days at almost 74 years old.
    I see the beauty of many emotions in your wonderful and touching poem!

    Bravo!!! 🌷

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Blessed are these 74 years old.
      May 25 more always come with this joviality and youth.
      Thank you for your beautiful and seductive comment
      best regards

      Eliminar
    2. I suppose the word I used translated into angry but I am not that. Your words are beautiful ❤

      Eliminar

    3. It is not my words that are beautiful. Your presence here, yes ... it's beautiful

      The best wishes

      Eliminar
  20. Mas que profundo hoje!! Ainda bem que está um dia de sol!!
    xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  21. Chuva que refresca o corpo e a alma.
    Boa semana
    Abraço

    ResponderEliminar
  22. Lindíssima
    Poesia
    Parabéns
    Arlete Gregorio 💖🌾🌿🍀🌹💫👏

    ResponderEliminar
  23. Considero a chuva como um calmante.
    Bonito poema.

    ResponderEliminar
  24. Belíssima
    Poesia com muito carinho poético trazendo um Bom início de semana com muita paz e saúde pra todos nós 💖🌾🌿🍀🌹👏🌹Ass...Arlete Gregorio

    ResponderEliminar
  25. Qué buena tu poesía Rykardo!
    me gusta mucho como escribes...
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  26. Parabéns pela poesia Rik@rdo a chuva sempre refresca a nossa alma.

    ResponderEliminar
  27. pois aqui muito calor ja nao chouve possa era tao bom mas bom mais um lindo poema bravo bjs

    ResponderEliminar
  28. Ricardo,
    Que linda poesia.
    Por aqui hoje chove também
    e vamos seguindo com nossa
    poesia.
    Bjins de segunda feira
    CatiahoAlc.

    ResponderEliminar
  29. Boa noite, Ricardo! O Teu poema é brilhante, mas, o ultimo terceto deixou-me de respiração suspensa! É poético eu sei, mas a palavra cemitério assusta-me. Mas levando a coisa pelo lado positivo, quero sentir -quanto partir- o perfume das rosas! 🌹🍀

    ""Mas pensando melhor, nem quero rosas nem mais nada. Quero lá o meu comprador e o wifi, para poder dar-vos um feedbak ! :)👀 ""

    Ai, estou tão mal!!!🦅

    Beijo e uma excelente Semana...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cidália Ferreira

      Não penses mais nisso. Na próxima época entramos na reconquista
      Beijinho

      Eliminar
  30. Los días de lluvia nos deja un poco de tristeza y a ti esta bello poema.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  31. Que poema maravilhoso!! Dizes que chove por aí,ora,por aqui em Portugal,é exactamente o contrário,faz um calor dos diabos,mas,segundo dizem,a partir de quarta ou quinta-feira desta semana nova que se inicia,dão descida de temperatura,enfim,eu gosto de temperaturas amenas,contudo,aqui em Portugal,acho que estamos vivendo num clima tropical,pois numa só semana ou,até mesmo num só dia,chove,faz vento,faz trovoada,faz frio,faz calor,enfim,assim é a vida!! Muito boa semana para ti!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fernandinha

      Sou português. Estou na zona de Lisboa - Portugal, lol
      O poema é apenas... poesia.

      Retribuo com amizade e carinho os votos de uma boa semana

      Eliminar
  32. Boa noite de chuva e poesia, Ricardo!
    Interessante, aqui chuvisca só. Mas o frio se insinua gradativamente.
    A imagem sua está muito linda e sente-se a intensidade dela. Poética a imagem.
    Tenha dias abençoados!
    Abraços fraternos

    ResponderEliminar
  33. Um derramar de emoções num poema profundo...
    Meu abraço... Boa semana...

    ResponderEliminar
  34. Esse bonito poema gostei de ler,
    não em dia de chuva, dia de calma
    por isso é que não vi a água bater
    como mostra essa imagem na vidraça!

    Tenha uma boa noite caro amigo poeta, Ricardo Valério. Um abraço.

    ResponderEliminar
  35. Que belo poema e que continues por cá por muito tempo :)

    Abraço e boa semana que começa

    ResponderEliminar
  36. Olá Ricardo!
    Magnifico e belo poema, como é bom sentir a chuva através da vidraça.
    Gostei da inspiração poética. Obrigada!
    Abraço de paz.
    Luisa

    ResponderEliminar
  37. Puxa... Chuva na vidraça é algo muito lindo.

    ResponderEliminar
  38. Oi Ricardo,
    Adoro quando chove, o cheiro da terra molhada é perfumado.
    Quando criança brincava muito na chuva e nadava com uma turminha legal nos regatos que escorriam nas baixadas da cidade. Que tempo bom que não esqueço jamais.
    Sua poesia é linda! Parabéns.
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  39. Boa noite Ricardo
    Um poema profundo. Eu amo chuva, a enxergo com prazer, pois água sempre lava à alma. A última frase bem tocante. Prefiro não pensar no futuro que todos nós um dia vamos chegar a finitude. Feliz semana. Abraços.

    ResponderEliminar
  40. Sou como a Catarina - o som da chuva, em casa, é um calmante.

    ResponderEliminar
  41. Me gusta la lluvia, y me gusta este poema. Saludos Ricardo.

    ResponderEliminar
  42. Gostei de ter vindo apanhar a chuva que por aqui cai...

    Saudações literárias.

    ResponderEliminar
  43. Lá na minha Tropicália,na região que nasci,ouvia papai dizer que chuva é benção. Papai tinha terras na caatinga,uma região muito seca,no nordeste Baiano ,aonde criava cabras tinha árvore de umbuzeiro uma fruta deliciosa,terra vermelha ,aonde colhiamos licuri,uma espécie de Coco do tamanho de uma amêndoa. Cresci assim. Sempre agradecendo ao universo pela chuva . Belíssimo poema! Um abraço!

    ResponderEliminar
  44. Hay día y días como se sabe no?, a veces cuesta desentenderse de todo lo difícil , pero votar un poco de lágrimas desahoga también, pero hay que procesar de a poco la pena y buscar la fuerza de fortaleza en el amor divino...

    Buena semana.

    ResponderEliminar
  45. A chuva cria no espírito sensível... um belo poema! Bj

    ResponderEliminar
  46. Embora tantas vezes associada a nostalgia e a tristeza... chuva... é vida!...
    Adorei esta chuva de emoções, que este belo poema nos ofereceu!...
    Um grande abraço!
    Ana

    ResponderEliminar

Gostou do que leu? Se gostou deixe uma palavrinha. Se não gostou deixe na mesma ... Leve consigo o meu agradecimento pela sua visita, quiçá, também comentário. Obrigado de coração.