sábado, 12 de março de 2016

Quando os sentidos guiam meu corpo ardente

( imagem da net)
..............................
Quando os sentidos guiam meu corpo ardente
Pelas ruelas que o teu corpo me quer oferecer
Sinto em mim um desejo forte e consequente
Em caminhar em ti,  entregando-te o meu ser

Fixo meu olhar numa estrela da noite escura
Sorrio no sentimento do sonho em esplendor
Saboreio teu beijo repleto de mélica doçura
No sossego da fantasia, chamo-te: Meu amor

Sinto a cama vazia de esperança vil solidão
No resplendor do querer em sonho e ilusão
Surge a luz da palavra num desejo carente

Sobre os lençóis molhados do meu embaraço
Descansa a força intemporal do meu cansaço
Quando os sentidos guiam meu corpo ardente
.

11 comentários:

  1. Bom dia Ricardo.
    Quanta doçura coube em teu soneto, lindo demais, parabéns!
    Um abraço, parabéns pelo espaço, lindo...

    A canção é como uma benção... Saio feliz pelo que tive, gratidão.

    ResponderEliminar
  2. Boa tarde
    Há quanto tempo, hein? Já ia sendo tempo, lool
    Parabéns; Demorou mas, ofereces-nos a ler um poema soberbo! AMEI

    Beijo
    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  3. oi Ricardo.
    Quanto tempo.Linda poesia.
    Venha conhecer meu novo visual do blog,seria ótimo para você,não precisa comentar se não quiser.
    Abraços
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  4. A poesia e o amor aqui cantado com formosura.
    Sobram umas asas de paixão que se tecem de ternura

    ResponderEliminar
  5. A memória dos sentidos em sentido poema.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  6. Um soneto assente na ilusão de um amor que não se concretiza, e que embaraça na sua manifestação física o próprio sujeito; "sobre os lençóis molhados do meu embaraço".
    Muito bom, Ricardo.
    xx

    ResponderEliminar
  7. Poema brilhante. Parabéns!

    Beijo
    Fim de semana feliz- http://quadrasepensamentos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Oi Ricardo,
    Gostava tanto das suas poesias, mas acho que não sou bem-vinda aqui no seu blog
    Lua Singular

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá querida amiga Lua Singular

      Nem pensar nisso. É SEMPRE muito bem vinda. Simplesmente por motivos profissionais não me tem sido possível estar mais presente e junto de todos vós.

      É E SERÁ SEMPRE UMA ROSA PERFUMADA NESTE BLOGUE

      PÁSCOA FELIZ

      Eliminar
  9. Sensual, apaixonado e belo.
    Boa Páscoa
    Um abraço
    Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Maria Rodrigues

      Obrigado pelo carinho

      FELIZ PÁSCOA

      Eliminar