quinta-feira, 23 de abril de 2015

Gotas de silêncio entram em órbitras de desejo

... / ...
.
Vibra o meu pensamento em áurea de sintonia
Como as estrelas brilham nos céus de verdade
Caem gotas de suspiro como se noite fosse dia
Que banham meu corpo em sanhas de saudade

Sopra o vento pelas orlas dum inócuo suspiro
Como teu olhar que de mim quer afastamento
Fragmentos de perturbação que da alma retiro
Quando és pesar de amor em meu pensamento

Vedações de dor no limiar da serena escuridão
Prendem desejos que afluem ao meu coração
Quando meus sentidos se munam em teu olhar

Gotas de silêncio entram em órbitras de desejo
Molhadas pelo sabor mélico do teu meigo beijo
E meu sentimento se ilumina por tanto te  amar
......

13 comentários:

  1. Olá
    Achei o seu poema arrebatador, lindo de mais!!!... Já conhecia o seu blogue, bem como tudo o que escreve..Parabéns

    Gostava que viesse conhecer o meu blogue de quadras e pensamentos.
    O seu já está agregado ao meu.
    Beijos

    Passe aqui -http://quadrasepensamentos.blogspot.pt/
    Obrigada

    ResponderEliminar
  2. Feliz quinta-feira!
    Sensacional! são poucas as vezes que podemos encontrar tamanha sensação em um texto que nos eleve a imaginar que poderiamos ser o personagem.
    Parabéns
    Abraços
    Nicinha

    ResponderEliminar
  3. Boa tarde, lindo poema em que o vento lhe trouxe agradável imaginação.
    AG

    ResponderEliminar
  4. Chegar aqui e deparar-me com tamanha beleza poética deixa-me sem palavras para te comentar.

    ""Quando seleccionamos as pérolas de uma a uma, conseguimos fazer um mais belo colar.! ""

    Não sei qual foi o poema mais lindo que te li até hoje, pois entre todos é muito difícil a escolha e nem vale a pena tentar escolher!. Porque decididamente o teu poema de hoje está soberbamente belo! Sem exagero.

    Tiro-te o chapéu: E DOU-TE OS PARABÉNS.

    Beijo

    ResponderEliminar
  5. Lindíssimo, muito inspirado esse poeta!
    Amei ler como sempre, deixo abraços apertados!

    ResponderEliminar
  6. Parabéns pela beleza poética!!!
    Adorei.

    Beijo

    ResponderEliminar
  7. Um poema muito bonito de amor.
    Gosti muito, amigo.
    Desejando que se encontre bem.
    Um abraço
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  8. Lindo de viver, intenso, ardente e apaixonado. Bjusss

    ResponderEliminar
  9. FABULOSO...ARREBATADOR...um poema colossal saído duma alma brilhante...AMEI...mais uma vez deste provas do teu génio poético...um grande abraço e feliz fim de semana

    ResponderEliminar
  10. Muito intenso e a transbordar de amor.
    Um soneto belíssimo, iluminado por tanto sentimento.
    Parabéns, Ricardo!
    xx

    ResponderEliminar