quinta-feira, 12 de março de 2015

Sonho de luz, carinho em estrelas perfeitas

............... * ...............
Sonho de luz, carinho em estrelas perfeitas
Onde vagueiam os devaneios apaixonados
Brilhos de fantasia no amor que tu rejeitas
Plágios de afecto em corações desnudados

Infinitos instintos em corpo celeste marejam
Como águas que brotam num lago apertado
Vida nua no sentimento, olhos que gotejam
Magoadas sensações que moram no coração

Seca estiagem florescente em campo traído
Palavras rebeldes, gracejos de amor vencido
Vivências passadas no sarcasmo da rebeldia

Parecem viver no sorriso, impulsiva aragem
Céu de amor, fina beleza, insígnia miragem
Lampejos de uma estrela brilhante e luzidia
......................................

14 comentários:

  1. Poema de luz e sentimentos profundos, fantasiando um amor rejeitado...palavras imponentes saídas duma alma de elevada sensibilidade...adorei Ricardo...teus poemas deixam as mulheres em delírio com eloquente romantismo...um grande abraço para ti

    ResponderEliminar
  2. Dos corações mais preciosas costumam sair as mais lindas pérolas poéticas...Foi o que aconteceu
    Chamou-me Atenção este terceto

    [Seca estiagem florescente em campo traído
    Palavras rebeldes, gracejos de amor vencido
    Vivências passadas no sarcasmo da rebeldia]

    Uma pitada de tristeza. Mas, Belíssimo!!

    Beijuss

    ResponderEliminar
  3. Maravilhosa leitura poética.
    Parabéns

    ResponderEliminar
  4. As estrelas são perfeitas quando nossos sonhos se concretizam,podemos dizer que brilhamos tanto quanto elas.
    Bjs amigo Ricardo.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. Um poema perfeito, não tenho palavras!!!! Parabéns.
    Bjs

    ResponderEliminar
  6. Já tudo foi dito...Quando se tem um coração como o teu, sai assim, a melhor poesia que já vi e li por aí fora.
    A 2ª estrofe está divina.
    Mas no seu conjunto ficou soberbo!!

    Elogiar-te é muito pouco perante o que merece um Poeta como tu, Ricardo!
    Os meus sinceros parabéns.

    Beijo

    ResponderEliminar
  7. lindo amigo Ricardo, nunca deixes de nos dar este versos,poemas lindos sejam ditos de que maneira forem ditos,vai sempre directo ao coração.
    beijos

    ResponderEliminar
  8. Oi Ricardo
    Que maravilha de poesia e eu me enchi de magia.
    Parabéns poeta
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  9. Lourdes Piedade Patacas12 de março de 2015 às 20:08

    No meu humilde conhecimento de poesia tenho muita dificuldade em analisar os teus poemas, gostava de explicar porque gosto, mas

    .Eles são magníficos de tanta magia






    Adorei ler o poema é mesmo um SONHO DE LUZ.

    ResponderEliminar
  10. Excelente. Senti um pouco de nostalgia.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  11. Poema admirável Ricardo. As estrelas, a lua são as inspiradoras dos poetas.Desejo sucesso no teu livro.
    Abraço!

    ResponderEliminar
  12. Um sonho de luz imerso na fantasia de um amor não correspondido...O amor nunca é vencido; o amor é sempre tudo o que resta do que foi alguma coisa.
    Muito triste, e muito belo! O facto de a beleza poder sempre aliar-se à tristeza terá de ter uma razão de ser. O fundo da alma, talvez.
    xx

    ResponderEliminar
  13. Poema encantador amei. Tenha um bom final de semana
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  14. Bom dia, Ricardo..
    O amor entre luz e sombra é muito ruim, o brilho das estrelas em seus dias amparado pela luz do luar, o calor do sol e o frescor da chuva, fazem com que ele seja sempre amor, independente de qualquer coisa.
    Pena que esse tipo de amor é complicado de se ver.
    Tenha um fim de semana de paz.
    Beijos na alma.

    ResponderEliminar