quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Rogos de empenho de eterna felicidade

...

Olhar da lua rompe a negrura do lago
Onde o amor sorri em árvore solitária
Almas seladas em ósculo apaixonado
Aprazem corações na solidão primária

Palavras de amor saem perante o luar
De lábios colados numa sensação nua
Salpicos de silêncio em rimas de amar
Caricias verificadas pela pureza da lua

Solidão de lugar em corações de amor
Desvarios de carinho no seu esplendor
Que a lua ilumina com a sua claridade

Legando aos corações amados e unidos
Sucos de afecto sobre o luar, admitidos
Rogos de empenho de eterna felicidade
...

17 comentários:

  1. Que beleza de poema! Parabéns

    Juliana Oliveira

    ResponderEliminar
  2. Uma pessoa apaixonada como eu, vir aqui ler as suas pérolas é um elixir para o meu coração. Mais um poema altamente Divino.. ai como eu gosto de o ler. Desculpe se exagero! Mas "amo" os seus escritos.

    Deixo-lhe um beijo.

    ResponderEliminar
  3. Um dos poemas mais belos que li aqui e já foram tantos, tantos. A lua, o luar. a solidão, a entrega entre dois corações que se amam. LINDO
    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Manuela Pimenta ( Marisol)23 de outubro de 2014 às 20:56

    Estou fascinada com tanta maravilha poética. A Lua como mensagem do amor, que bonito
    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Ricardo: Deixas-me sem capacidade para te comentar...Desculpa de uma coisa que vou dizer, ou escrever.... Mas este poema está estupidamente soberbo!

    Entre tantos e tantos que já aqui li.... não sei não, mas cada dia lutas para um POETA MELHOR, OU SEJA, O MELHOR POETA QUE JÁ LI...Verdade!

    Beijo

    ResponderEliminar
  6. Boa noite Ricardo cada vez que te visito
    fico mais surpresa com as belas palavras
    falar de amor e a lua já é maravilhoso elogios
    e continue assim enchendo nossos olhos de alegria

    Abraços com meu carinho de sempre

    Rita!

    ResponderEliminar
  7. Poema tão maravilhoso. Gostei mesmo.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  8. Mais uma vez saio daqui enternecida e emocionada com tanta beleza. Divino, este poema.
    Bjs

    ResponderEliminar
  9. O amor e a lua... a lua e o amor... fonte de inspiração para os poetas apaixonados, lindo soneto Ricardo, bjussss.

    ResponderEliminar
  10. Estou muito feliz em poder
    passar no seu blog hoje depois
    desse afastamento ..
    Saudades..muitas me perdoe não
    comentar sua magnifica postagem,
    porém li e estou levando no meu coração...
    Acredite você é muito importante
    na minha vida.
    Desejo um abençoado final de semana.
    Beijos no coração.
    Evanir.
    Eu adorei postar seu poema será que de vez em
    quando poderei postar?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Evanir

      Sim, pode sempre que o desejar fazer

      Cumprimentos.

      Eliminar
  11. Não conhecia mais este elegante blog.

    Saudações poéticas!

    ResponderEliminar
  12. Que seu dia seja tão lindo qto os seus versos =)

    ResponderEliminar
  13. Mais outro empolgante poema Ricardo...rico literária e emocionalmente...tuas palavras vão fluindo harmoniosamente até ao coração...adorei...vais enriquecendo o teu baú com estes pequemos mas ricos tesouros...um beijio

    ResponderEliminar
  14. Um ótimo final de semana amigo Ricardo e que seja tão belo como suas palavras nesse lindo poetar.
    bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar