sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Temporal


.
Chove lá fora
Escorre água pela vidraça
Olho a Rua
De gente, nua
Ninguém passa
Nota-se o vento
Que faz as árvores dançar
Num vai e vem infernal
Anunciam temporal
Quase que me esqueço
Do frio tempo
olhando o além
Adivinho que aí vem
Uma intempérie que "chora"
Penso nos pobres, sem nada
Sem casa, roupa, comida
Que em cartões, fazem dormida
Em qualquer vão de escada
Num presente de tormento
Uma ideia triste e dorida
Lhe aflora ao pensamento
Abrem os olhos em desgraça
E sim, vêem quem passa
Indiferentes a desdita
De quem não vê
Que chove lá fora.
.........................................
Será que os sem abrigo sabem que hoje é dia de S. Valentim - dia dos namorados?.
Será que alguém se lembra deles?
Oxalá que sim

"" Feliz dia dos namorados para todos/as....""

18 comentários:

  1. A chuva vai caindo lá fora
    O vento nos traz tempestade
    Estamos todos por agora
    A sofrer de uma ansiedade


    São pobres em vão de escadas
    Enroscados em cartões
    Que lembram vidas passadas
    Magoando corações.

    Soberbo e emocionante Poema ...Parabéns

    Bom fim de semana

    Beijo

    "Feliz dia de São Valentim"

    ResponderEliminar
  2. A chuva que cai te inspirou muito bem! abração,chica

    ResponderEliminar
  3. Amigo poema maravilhoso amie.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderEliminar
  4. Oi Ricardo,
    O homem está mais preocupado com a ganância e pisa por cima dos miseráveis para chegar a um patamar alto e gritar: eu consegui! Conseguiu sim, pois do seu bolso nunca saiu uma sequer mísera esmola para aliviar a dor do seu irmão faminto.
    Mas, um dia tudo acabará, aí eu quero ver muita gente pagando na fila par ficar na fila para entrar no céu, e o que vai adianta o dinheiro depois de morto.
    O homem é muito egoísta e prepotente querendo, muitas vezes, ser maior que Deus. Seu dia chegará e ele próprio irá ouvir o seu ringir de dentes.
    Feliz dia dos namorados para todos vocês! Que Deus ilumine esse lindo país.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  5. Desculpe Ricardo,
    Fiz um erro: muita gente vai querer pagar para ficar no fim da fila, pois sabe que seu destino é o inferno.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  6. oi Ricardo

    O que está faltando no mundo é amor.
    Amor ao próximo.
    O namorado ama a namorada, mas se termina o namoro o amor vira ódio.
    Mata-se por amor, rouba-se por amor.

    Ótima postagem =)

    ResponderEliminar
  7. O tempo passa e o temporal nem se importa.

    Ando mal disposta com a primavera.
    Onde pára?

    beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Boa tarde,
    Belo Poema, a sua pergunta sobre os sem abrigo que o governo não quer saber já perderam certamente a esperança de viver um dia dos namorados.
    Abraço
    ag

    ResponderEliminar
  9. Meu amigo a falta de amor esta acabando nesse mundo onde deveriamos adorar a Deus e amar nossos irmãos.
    Feliz dia doa namorados nesse lindo e amado Portugal.
    Hoje dia da amizade no Brasil deixo aqui um abraço para meu amigo.
    Um abençoado final de semana.
    Evanir.

    ResponderEliminar
  10. Boa noite, Ricardo. Triste demais a situação dos que são ignorados, que morrem ao relento, sem calor humano e sem teto.
    Desabrigados são todos os que não tem a atenção do governo e da sociedade, os que perambulam feito fantasmas e os que na realidade da alma são infelizes.
    Que um pouco de humanidade eles possam receber de corações que realmente se importam com o próximo!
    Obrigada pelo carinho e igualmente.
    Tudo de bom para você.
    Beijos na alma.

    ResponderEliminar
  11. OLá Ricardo hoje em dia o amor ficou tão banal que as pessoas matam por nada.
    beijos , parabéns pelo lindo poema.
    Beijos, bom final de semana

    ResponderEliminar
  12. Boa noite e um final de semana cheio de muita paz,
    meus elogios e agradecimentos por estar sempre nesse
    Blog,........abraços de sempre com uma frase que gosto muito

    "Eu não necessito de um motivo especial para ser feliz. Felicidades são pedacinhos de ternura que colho aqui e ali."

    Cecilia Meireles...¸¸.·´¯✻*

    ResponderEliminar

  13. Belo poema,mas triste.Mas tens um lindo coração:Ao olhar o temporal se formando,lembrou das pessoas que na rua vivem.Que lindo Ricardo!!
    Beijinhos e um feliz dia dos namorados para você também!!

    ResponderEliminar
  14. Oi, que blog lindo!
    Eu amei tudo aqui. Já estou te seguindo.
    Esse é o meu, passa lá! (:
    http://garotaestapafurdia.blogspot.com.br/
    bjs!

    ResponderEliminar
  15. Fiquei fã. Vou seguir.
    Boa semana.
    Beijo.
    Nita

    ResponderEliminar
  16. Oh! Este novo post não me chegou...!
    Um belíssimo poema que demonstra como tens um coração capaz de tudo abarcar. Num dia de romance e de celebração do amor, que bonito que foi, nem que só por momentos, pensar nos que podem ter frio no corpo e no coração.
    xx

    ResponderEliminar
  17. Ei!!
    Falava hoje com um amigo de sua terra e ele citava a agua na vidraça.
    Lindos versos.
    Ja conhece alguns blogs meus, agora
    estou aqui com esse.
    Bjins
    Catiaho Alc.
    la do Espelhando.

    ResponderEliminar
  18. Ei!!
    Falava hoje com um amigo de sua terra e ele citava a agua na vidraça.
    Lindos versos.
    Ja conhece alguns blogs meus, agora
    estou aqui com esse.
    Bjins
    Catiaho Alc.
    la do Espelhando.

    ResponderEliminar