quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Amor e ...silêncio

.
Em silêncio a noite vai chegando
No sossego da sua tranquilidade
Quando dois corpos se amando
Se perdem nos sonhos da vontade

Nos sussurros que de si vão saindo
Pela paixão sem luz, noite escura
Dois corpos colados vão sentindo
O cálido amor, desvairo e ternura

Luz sem luz, na solitária penumbra
Os sussurros deixam o seu esplendor
Soam beijos, desejos que deslumbra
Enquanto se diz baixinho:Meu amor
.

22 comentários:

  1. O silêncio onde só se ouvem os beijos,lindo!!! Lindo poema de amor! abraços,chica

    ResponderEliminar
  2. Um silêncio onde se ouve somente o sussurrar de amar.
    Lindo poetar amigo Ricardo.
    Bjs
    Carmen Lúcia-mamymilu

    ResponderEliminar
  3. Oi Ricardo,
    No silêncio de um amor verdadeiro com desejos sem alarde, a ouvir o silêncio da noite e a doce respiração apaixonada
    Lindo amigo, amor é assim...
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  4. Corpos, penumbra, sussurros; o amor que se concretiza sem grande alarido.
    Suavemente belo.
    xx

    ResponderEliminar
  5. Amei ler amigo poeta Ricardo, amor, ah, esse é o sentimento que move as almas, pena que não seja o que possa mover o mundo né mesmo?
    Abraços meu amigo!

    ResponderEliminar
  6. Boa tarde Ricardo

    Como sempre, és EXCELENTE!! ...PARABÉNS!
    Amei

    Beijo

    ResponderEliminar
  7. O silêncio fala quando os corpos se unem,
    muito bonito Ricardo

    ResponderEliminar
  8. O Silêncio do inocente .....AMÔR!!!! Maravilhoso poema!
    GABY

    ResponderEliminar
  9. Magnífico poema, transbordando amor e doçura.
    O silêncio fala!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  10. Um poema muito bonito, sensual e amoroso.
    abraço

    ResponderEliminar
  11. Boa noite
    É no silêncio que o amor se torna mais eloquente e apaixonado. Lindo poema
    Beijos no coração

    ResponderEliminar
  12. Lourdes Piedade Patacas7 de fevereiro de 2014 às 09:39

    Já tudo foi dito sobre o amor, digo simplesmente, GOSTEI MUITO ,Ricardo

    ResponderEliminar
  13. Amor e silêncio. Tão bonito de se viver.
    Que poema tão doce.
    Beijo

    ResponderEliminar
  14. Amigo Ricardo
    A noite espalha magia sobre duas pessoas que se amam!
    O silencio ajuda a que duas almas se juntem.Lindo, muito lindo, o seu poema! Parabens.
    Um abraço
    Beatriz

    ResponderEliminar
  15. Amigo, atualizei a leitura após um período de férias, e devo dizer que passei momentos de enlevo com teus poemas tão magistralmente escritos. Tens a sensibilidade daqueles que sabem da importância do verdadeiro amor na vida do ser humano, e que valorizam o encontro de almas num relacionamento. São ternos, profundos e sensíveis os sonetos onde exaltas sentimentos e emoções tão necessários na vivência humana.
    Agradeço pela atenção no meu espaço e as palavras sempre tão afetuosas.
    Deixo-te os sorrisos que colhi em mimosas conchas junto ao mar em dias ensolarados, e também as estrelas que as noites enluaradas vinham depositar no meu olhar. Tudo com meu carinho,
    Helena

    ResponderEliminar
  16. Passo para te desejar um feliz e calmo fim de semana.
    E que o teu coração tenha paz amor e harmonia.
    E que amanhã possa sorrir, para te deixar feliz.

    Beijo

    ResponderEliminar
  17. Bonito, muito bonito. Gostei.
    Ricardo, beijos!

    ResponderEliminar
  18. Não são necessárias palavras quando o amor está presente. Belissimo poema.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  19. Lindo e romântico o teu maravilhoso poema,cheio de bons sentimentos!! Venho aqui desejar-te uma excelente semana e deixar-te o meu carinho e a minha paz aqui no teu blogue!! Muitos beijinhos,fica com deus e até breve!! http://musiquinhasdajoaninha.blogspot.pt

    ResponderEliminar