quinta-feira, 1 de agosto de 2013

És a placidez de um dia de verão...


És a placidez de um dia de verão
A frescura das aragens amenas
Calma que sossega o meu coração
Nas tardes ensolaradas  e serenas

A luz  dos teus olhos me ilumina
Gera em mim felicidade e amor
Teu doce carinho me diz e ensina
Refrescando-me em dias de calor

Teus gestos delicados ... em pureza
Que fazem brilhar o sol em alegria
Aromam minha vida, qual natureza
Em belos odoríficos rosários do dia
.

15 comentários:

  1. Ricardo o teu carinho é que nos ensina e diz;
    a sermos mais tolerantes e apreciar o brilho e a alegria do sol.....
    Poema bonito e calmo,gostei.

    ResponderEliminar
  2. BOM DIA

    Teus gestos sempre delicados,e em pureza
    Nos "convidas",a este blogue entrar,e ver
    Para nós, és sempre uma força da natureza
    Que nos ensina,e nos dá força para te vir ler

    Como sempre...LINDO!

    beijo




    ResponderEliminar
  3. Bom dia amigo,

    Tudo aqui é magia e sedução, sempre há um ímã que nos puxa aqui, por aqui tem amor, sinceridade e afeto.
    Adoro suas poesias de amor.
    Um beijo
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  4. Um dia de verão,com o Sol para nos
    aquecer e as águas do mar para espairecer e sonhar.
    Aqui no Brasil,quase todos os dias são dias de verão,com tardes insolaradas e maravilhosas.
    Lindo poema amigo Ricardo.

    bjs
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderEliminar
  5. Palavras lindas e doces que trás alegria ao coração de quem ler. Lindo Ricardo, um bj

    ResponderEliminar
  6. Bom dia, adoro começar meu dia passando por aqui, lendo seus poemas e poesias bem feitas, e que nos remete a outras realidades, não as nossas, mas a sua...
    Gostoso sentir o amor, o desejo, o anseio num todo. Até dá impressão as vezes de uma busca desenfreada pela vontade de ir além, mas um além dificil de alcançar...
    Tudo muito profundo e até dolorido em alguns momentos.
    Hoje gostei:

    "A luz dos teus olhos me ilumina
    Gera em mim felicidade e amor"

    bjs
    Ritinha

    ResponderEliminar
  7. Caro Ricardo
    Belo poema,bem rimado!
    Neste calor que temos vindo a sentir,as suas palavras são um bálsamo de frescura.Ao lê-las,sentimos paz,alegria e felicidade.Parabéns.
    Não consigo entrar no blog da Cidália Ferreira mas já vi que,às vezes,está o link do seu,seguido de uma barra oblíqua e do link da Cidália.Não sei o que está a acontecer.
    Continuação de uma boa semana.
    Um abraço da
    Beatriz

    ResponderEliminar
  8. Olá Ricardo:
    Como não gostar dos teus Poemas?
    Impossível ler, sem deixar cair a lágrima. AMIGO mais um um daqueles que fazer o cabelos ficar em pé, no entrelaçamento desta divina música de fundo.
    ...Não sei mas este poema, tem algo de especial, o quê? não sei.
    Só sei que me revejo nele,talvez por isso. Obrigado por nos deliciares todos os dias com SOBERBOS POEMAS.

    PARABÉNS
    BEIJO

    ResponderEliminar
  9. Poesia gostosa de se ler meu amigo.. nada como uma rimas para abrilhantar nosso dia.. abração e tenhas um lindo dia Ricardo

    ResponderEliminar
  10. Bom dia Ricardo
    Teus versos nos envolvem com um leveza deliciosa. Mais um exuberante poema. Meu sincero agradecimento por tua visita a minha nova casa virtual. O mural de comentários está na lateral do blog.
    Beijos e meu carinho
    Gracita

    ResponderEliminar
  11. Outro belo poema, Ricardo. Tu cantas o amor de uma maneira esplendorosa. As rimas ficaram fantásticas!

    ResponderEliminar
  12. Belíssimo poetar de um poeta fantástico que nos brinda com emoções e rimas de amor
    Abençoada a mulher que é a inspirdora de tão belos poemas
    Abç

    ResponderEliminar
  13. MARAVILHOSO POEMA

    Rimas perfeitas que encaixam e nos deixam maravilhadas
    Bjs

    ResponderEliminar