domingo, 16 de setembro de 2012

A tua doçura



Raia  doçura de sabor  apurado
Que aclara o meu duro caminho
Onde teu abraço puro e acanhado
Concebe em mim paixão e carinho

Teu olhar de coloração perfumada
Sorriso de silêncio, púrpura de cor
Palavras que atestam tudo do nada
Fazem crescer em mim, eteno amor

Teu sorriso acarinha meu singelo ego
Tua  ternura me abarca e me desprego
Em ti coloco meu desejo, meu  desatino

Musa de meus sonhos roucos de afeição
Que abraça os desejos do meu coração
E guia as venturas do meu feliz caminho


Sem comentários:

Enviar um comentário