sexta-feira, 24 de abril de 2009

caminhar ... pensar ... sonhar

Percorro em sonhos
Caminhos sagrados
Doces; amargos, isolados
Sozinho, no sentir
Sorrisos por descobrir
Árvores de folha cinzenta
Suores quentes
No frio do pensamento
O ser, o momento
O sonhar acordado
Por um beijo prometido
E nunca dado
Não faz sentido
O querer; o desejar
Uma forma louca de amar
O sentimento
A dor, o tormento
De um amor impossível
No coração, o sofrimento
Ao som dos passos cansados
Penso, porque razão
Percorro em sonhos
Caminhos sagrados
.

2 comentários:

  1. A amizade é o conforto indescritível de nos sentirmos seguros com uma pessoa, sem ser preciso pesar o que se pensa, nem medir o que se diz.
    (George Eliot)

    Tenha um final de semana com muito carinho.
    Um abraço

    ResponderEliminar