sexta-feira, 28 de novembro de 2008

ANDA DAÍ COMIGO

Anda daí comigo
Correr pelos campos em flor
Saltar, brincar
Ser livre
Anda daí comigo
Sentir o odor
das flores silvestres
Como se amam
Como balouçam ao vento
Como se entregam
Como são bonitas
Anda daí comigo
Dar asas á liberdade
Passear entre as flores
que exalam amor
De mãos dadas
Sonhos unidos
Passos certos
Caminhos floridos
Sentimentos ao vento
Sorrisos de contentamento
Anda daí comigo
Entregar á vida os teus sonhos
Em liberdade
Pelos campos risonhos
Desfolhar um malmequer
De pétala em pétala dizer
Bem me quer mal me quer
Cantar canções sem letra
Deixar os olhos “sorrir”
Deixar o coração "explodir"
Encher os pulmões de ar puro
Amar em liberdade
Anda daí comigo
Passear pelos campos em flor

3 comentários:

  1. Eu acho que o coração explodir também devia ficar entre aqueles dois parzinhos de vírgulas penduradas por cima das palavras. E além disso, há uma gralha no título. De resto, está tudo bem.

    ResponderEliminar
  2. Olá lenor

    Bom dia, para quem é uma flor

    Obrigado pela atenção.

    Volte sempre porque a sua visita é perfume neste cantinho

    Seja feliz
    .

    ResponderEliminar
  3. mto bonito e profundo na sua simplicidade, os meus parabéns

    Saúde e Benfica Sempre!

    ResponderEliminar